A importância da Psicologia nos dias atuais

Atualizado em 03/04/2017
Por Redatora Casule

A importância da Psicologia nos dias atuais

Atualizado em 03/04/2017
Por Redatora Casule
Junte-se a milhares de pessoas

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

A importância da Psicologia nos dias atuais

O Psicólogo, serve de guia pelos caminhos tortuosos da vida, ajudando: a lidar com problemas passados para que não mais o assombrem, a enfrentar os problemas da vida com mais firmeza e segurança, e adquirir maior conhecimento sobre si mesmo.

O que é a Psicologia?

Psicologia é a ciência que estuda o comportamento humano com seus processos mentais e o Psicólogo, é o profissional que procura compreender este comportamento e também, o pensamento das pessoas quando possuem algum tipo de conflito ou distúrbio psicológico, faz isto através de uma técnica chamada Psicoterapia (que consistem em sessões em regra semanais), com o objetivo de buscar uma adequada saúde mental, na promoção de uma boa qualidade de vida.

Já se foi o tempo em que pensavam que Psicólogo é coisa para louco, aliás nem foi por causa da ‘loucura’ que a Psicologia surgiu, e a cada dia mais aumenta a procura da psicoterapia nas clínicas e consultórios, inclusive sendo relatada em novelas da atualidade.

A Psicologia Clínica diminui o sofrimento emocional e possibilita que a pessoa se conheça melhor, mudando assim seu modo de agir que a angustia, havendo a compreensão do mundo que a envolve.

Psicologia Terapia Individual
Psicologia é a ciência que estuda o comportamento humano.

Quais as áreas de atuação da psicologia?

A Psicologia conquistou várias áreas de atuação e muitas delas nem são conhecidas pela maioria da população, dentre todas essas, a mais manifesta de todas é a Psicologia Clínica, pois foi a primeira a se destacar em todos os âmbitos.

terapia-casule
Nem todas as áreas da psicologia são conhecidas pela população.

Dentro da Clínica, trabalha-se com as mais diferentes questões, como crises existenciais (“não me entendo, queria me conhecer melhor”, “não estou feliz comigo mesmo”, “não consigo escolher uma faculdade”, “meu casamento vai mal”, entre outras), apoio em situações traumáticas (assaltos, morte, separações da família, divórcios, etc.), momentos especiais (preparação para aposentadoria, pré-natal, pós-parto, cirurgias em geral, mudança de Cidade, …) e até o aparecimento de doenças dos mais variados graus e intensidades como: ansiedade, depressão, estresse pós-traumático, transtorno obsessivo-compulsivo, esquizofrenia, transtorno bipolar, fobias, transtornos dissociativos, etc.

terapia-online-casule-banner

Quando fazer terapia

A terapia pode ser importante em diversas fases do desenvolvimento, como na infância: desde as pequenas preocupações dos pais, até quadros de maiores prejuízos emocionais. Como exemplo, desde a entrada na Escola com a adaptação no mundo cognitivo; retirada de fraldas, mamadeiras, chupetas; enurese, encoprese; terror noturno; até transtornos de aprendizagem – dificuldade na leitura, matemática, escrita, rendimentos baixos de escolaridade; habilidades motoras; problemas na comunicação; déficit de atenção-hiperatividade; comportamento agressivo, desafiador, avesso às regras de convivência social; transtornos globais do desenvolvimento; tiques; depressão; ansiedade; fobias, etc.

A adolescência, por ser um período de intensas modificações e atividades, diversas transformações de comportamento, podem ser avaliadas muitas atitudes, erroneamente como patológicas. Curiosidade, euforia, podem gerar medo e inadequação; ter que adquirir responsabilidades, novas posições, escolha de caminhos, podem trazer sofrimentos; atitudes exageradas, humores flutuantes; cuidados alimentares e com o corpo; … todas essas questões que podem ser lidadas na psicoterapia de uma maneira saudável. Incluindo fatores patológicos como, uso de drogas e também transtornos psicopatológicos.

A-terapia-Cognitivo-Comportamental-para-o-tratamento-do-Transtorno-Obsessivo-Compulsivo-blog-casule
A terapia pode ajudar também na transição da adolescência para a fase adulta.

Na vida adulta, o relacionamento conjugal, problemas no trabalho, dificuldades familiares, descontentamento pessoal, angústias, ansiedades, depressões, estresse, medos, ciúmes, rotinas diárias, inclusive quadros de humor, disfunções sexuais, transtornos do sono, uso de álcool, drogas em geral, doenças orgânicas com afetação emocional,… são muitos os motivos que levam à terapia, na busca do auto entendimento, autoaceitação e melhora pessoal, consequentemente como reflexo, melhorando o ambiente que o envolve e trazendo auto confiança e maior assertividade de suas atitudes.

Concluindo, havendo a resolução dos problemas psicológicos, se estabelece assim uma situação melhor de relacionamento com a sociedade, família e consigo mesmo, promovendo então, um equilíbrio com seus pensamentos, desejos e sentimentos.

Bora conversar? Marque sua consulta!

FONTE: http://institutoglobalsaude.com.br/site/a-importancia-da-psicologia-nos-dias-atuais/

Guia com as 15 Técnicas para reduzir a ansiedade
Casule Play

A importância da Psicologia nos dias atuais

Se você quiser saber mais ou conversar com um dos nossos profissionais sobre A importância da Psicologia nos dias atuais, você pode  agendar o seu horário clicando aqui. Ou você pode ver mais sobre Terapia Online, Acompanhamento semanal com nossa Nutricionista ou Como ter mais produtividade com o nosso Coach!
Redatora Casule, aqui no Blog.
Sou focada em achar o melhor conteúdo que já foi publicado na rede e trazer informações que são relevantes e agregam valor para você.

O que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários sua opinião sobre: A importância da Psicologia nos dias atuais.

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Como tratar a Fobia Social
Como tratar a Fobia Social

Como tratar a Fobia Social

A ansiedade ou fobia social é quando a pessoa no contato social, no contato com o outro tem o seu objeto fóbico de medo, de ansiedade. Assim, qualquer circunstância que ela precise se expor a uma situação social desde as mais simples, como por exemplo, cumprimentar alguém, fazer ou receber um elogio, ela já sente uma ansiedade extrema e com sintomas físicos.
Fome fisiológica versus Fome emocional
Fome fisiológica x Fome emocional

Fome fisiológica x Fome emocional

Não é incomum se deparar com situações e períodos estressantes na vida da maioria das pessoas e uma das primeiras consequências é sair da dieta. Por essa razão a fome fisiológica (homeostática) muitas vezes pode ser confundida com a fome emocional (hedônica). E como diferenciá-las?

O tripé da Autoestima?

Autoestima é um dos assuntos mais falados no momento. E, apesar de aparecer sempre muito atrelado à autoimagem (forma como o indivíduo se enxerga), ela é muito mais que isso.
Leia mais
O tripé da Autoestima

Dicas para lidar com a insônia

Você sabia que os nossos comportamentos e atitudes durante o dia estão totalmente ligados com o nosso sono? Por isso, nesse vídeo, abordei quais são os tipos de insônia, e sugeri algumas mudanças para que você pode adaptar a sua rotina, e como consequência, melhorar a qualidade do seu sono.
Leia mais
Dicas-para-lidar-com-a-Insônia

Objetivos da Orientação Profissional

A Orientação Profissional é um processo de avaliação que auxilia qualquer pessoa, independente da idade, a escolher uma faculdade ou um curso profissionalizante, e até mesmo mudar de carreira.
Leia mais
Tenha o total controle das suas emoções conte com a Casule para o seu bem-estar.
Share This