Como os super-heróis podem ajudar no desenvolvimento infantil?

Atualizado em 16/04/2021
Por Redatora Casule

Como os super-heróis podem ajudar no desenvolvimento infantil?

Atualizado em 16/04/2021
Por Redatora Casule
Junte-se a milhares de pessoas

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

Como os super-heróis podem ajudar no desenvolvimento infantil?

Com base nas histórias de super-heróis é possível trabalhar diversos temas e habilidades com as crianças. A maioria das histórias tratam de assuntos como humanidade, emoções, justiça, amizade, confiança, altruísmo, humildade, empatia, virtudes, esperança, responsabilidade, fazer o bem…

As crianças tendem a admirar um personagem e buscam “copiá-lo”, se inspiram nele. Então por que não aproveitar esse gancho para explorar o desenvolvimento de habilidades, estimular bons comportamentos e tratar assuntos importantes para a formação e educação dos pequenos? 

As histórias de heróis mostram que toda ação tem uma consequência, e temos que ser responsáveis por nossas escolhas. Ensinam o que é certo e o que é errado, a se colocar no lugar das outras pessoas (empatia), a buscar soluções para diversos problemas (resolução de problemas), a perdoar, a controlar nossas emoções (inteligência emocional), ensinam também a importância do amor e do respeito, a acreditar no nosso potencial, a lutar pelo que acreditamos, a aprender com os erros.

Os super-heróis enfrentam vilões, tempestades, injustiças, guerras e muitos outros desafios, tudo isso para salvar a humanidade (altruísmo). Para as crianças, eles são a definição de força, determinação e coragem. O que não quer dizer que não sintam medo. Sentir medo é normal, e ajuda os super-heróis a estarem alertas e preparados. O mais importante é enfrentar o medo, não ser dominado por ele.  

Respeitar as diferenças é outro ponto que os heróis nos ensinam. Não importa se somos verdes, azuis, brancos, negros, grandes, pequenos, feitos de pedra, de borracha, ou de carne e osso, desse planeta ou de outro, da terra ou do fundo do mar, não importa a forma como nos locomovemos… Cada um é único! Cada um tem suas forças e poderes especiais (que não necessariamente são superpoderes), bem como possuem pontos fracos e habilidades a desenvolver. Porém, quando identificamos nossas fraquezas, podemos usar estratégias a fim de superarmos essas dificuldades.

Cada super-herói, assim como cada um de nós tem sua história de vida, uns vem  de família rica, outros  passaram  por dificuldades, tem aqueles que são órfãos, alguns têm famílias grandes, que pode ou não ser família de sangue, outros vivem isolados; tem os que são líderes, os tímidos, os que falam muito, os que reclamam, os que cuidam dos demais; alguns cresceram cercados de amor, outros tiveram uma infância difícil; têm super-heróis que lidam com problemas familiares e outros tem dificuldade de se relacionar socialmente. Super-heróis também têm problemas porque são seres como nós! E nós também podemos ser super-heróis, basta acreditarmos em nós mesmos e nas nossas habilidades, e usar tudo isso para o bem de todos… da gente, da nossa família, da nossa escola, do nosso bairro, da nossa cidade, do nosso país e do planeta!

terapia-online-casule-banner

Quando ajudamos nas tarefas de casa, estamos agindo como super-herói, quando reciclamos o lixo também, ou quando doamos nossas roupas que não servem mais, ou um brinquedo ao ganhar um novo, quando respeitamos nossos colegas ou ajudamos alguém a atravessar a rua, quando vemos um amigo triste e o envolvemos com um abraço. Para ser super-herói não precisa ter uma roupa diferente ou poderes especiais, o heroísmo está nas atitudes!

A seguir, perguntas para estimular a reflexão junto às crianças:

  • Qual seu super-herói favorito? 
  • O que você mais gosta nele?  
  • Como ele lida com os desafios e problemas?
  • Descreva as qualidades dele.
  • Você tem alguma dessas qualidades?
  • Se não, tem alguma que gostaria de desenvolver?
  • O que ele te ensina?  
  • Tem alguma coisa que você poderia ensinar para ele? 
  • O que ele faz que você acha legal?
  • Qual cena você mais gosta?
  • Qual seria o seu codinome de super-herói? 
  • Qual o seu poder? 
  • E suas habilidades? 
  • Qual seu ponto fraco? 
  • Agora que você já sabe suas habilidades e seu ponto fraco, o que você poderia fazer para ficar mais forte? 
  • Você tem alguma atitude parecida com a do seu super-herói preferido?
  • O que cada um de nós pode fazer para ser um super-herói?
  • Quais as diferenças entre o super-herói e o vilão?

Terapia Casule

A Casule é uma clínica que pensa na sua saúde e no seu bem-estar que atende de forma presencial e online. Isso faz que possamos cuidar de pessoas em qualquer parte do Brasil e do Mundo!

Venha nos conhecer! Marque uma conversa com nossos terapeutas clicando aqui!

Curtiu o texto? Fica a vontade para relaxar com a gente, conheça nossos áudios de relaxamento, é GRÁTIS!

Compartilhe também a Casule em suas redes sociais, InstagramFacebook e Youtube.

Guia com as 15 Técnicas para reduzir a ansiedade
Sou focada em achar o melhor conteúdo que já foi publicado na rede e trazer informações que são relevantes e agregam valor para você.
Casule Play

Como os super-heróis podem ajudar no desenvolvimento infantil?

Se você quiser saber mais ou conversar com um dos nossos profissionais sobre Como os super-heróis podem ajudar no desenvolvimento infantil?, você pode  agendar o seu horário clicando aqui. Ou você pode ver mais sobre Terapia Online, Acompanhamento semanal com nossa Nutricionista ou Como ter mais produtividade com o nosso Coach!
Redatora Casule, aqui no Blog.
Sou focada em achar o melhor conteúdo que já foi publicado na rede e trazer informações que são relevantes e agregam valor para você.

O que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários sua opinião sobre: Como os super-heróis podem ajudar no desenvolvimento infantil?.

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

5 sinais clássicos que você se cobra demais

5 sinais clássicos que você se cobra demais

Como lidar com a sensação incômoda de autocobrança excessiva? Como lidar com aquela voz que fica na nossa cabeça falando “você deveria ter feito isso”, “eu deveria dar conta… “você não podia ter feito aquilo”, “você podia ter feito diferente”, “porque eu sou assim?”, dentre outras tantas frases de cobrança que nós mesmos fazemos conosco.

3 estratégias para controlar seu dinheiro

Ser positivo é algo muito bom, porém quando falamos de dinheiro, devemos ser realistas e conhecer bem a nossa própria condição financeira. Por isso, ter inteligência emocional nas finanças se torna algo tão importante.
Leia mais

5 sinais clássicos que você se cobra demais

Como lidar com a sensação incômoda de autocobrança excessiva? Como lidar com aquela voz que fica na nossa cabeça falando “você deveria ter feito isso”, “eu deveria dar conta… “você não podia ter feito aquilo”, “você podia ter feito diferente”, “porque eu sou assim?”, dentre outras tantas frases de cobrança que nós mesmos fazemos conosco.
Leia mais

Geração Tik Tok: 3 vícios do momento

Uma tela de celular, um vídeo vertical e um minuto da sua vida. Esses três elementos são a essência do Tik Tok, a rede social de vídeos curtos que está viciando os jovens e já mudou os hábitos de consumo de vídeos de milhares de usuários. Você abre às 19h, e quando olha para o relógio novamente, já se passou uma hora.
Leia mais
Tenha o total controle das suas emoções conte com a Casule para o seu bem-estar.
Share This