Os pensamentos automáticos

Atualizado em 26/08/2015
Por Nayara Benevenuto

Os pensamentos automáticos

Atualizado em 26/08/2015
Por Nayara Benevenuto
Junte-se a milhares de pessoas

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

Os pensamentos automáticos

maxresdefault

Para Beck, o modelo de funcionamento mental está baseado em um processo em que estão interligados pensamentos, sentimentos e comportamentos. Nele, esses três fatores estão interligados e se influenciam mutuamente. Dessa forma entendemos que determinados pensamentos nos geram alguns sentimentos e diante disso agimos conforme esse mecanismo. Destacamos que o evento em si não gera as emoções, mas sim o que pensamos sobre o evento. Esse processo funciona como um ciclo, portanto, um sentimento pode gerar um pensamento e comportamento, ou um comportamento provocar os outros dois. Um evento comum pode gerar diferentes formas de sentir e agir em diferentes pessoas, mas não é o evento em si que gera esses comportamentos e sentimentos, mas sim sobre o que nós pensamos sobre o evento. Ou seja, o que pensamos influencia nossas emoções e comportamentos.

Segundo Beck, os pensamentos disfuncionais são comuns a todos os distúrbios psicológicos. Em termos psicopatológicos, a perspectiva cognitiva atenta sobre representações cognitivas conscientes de cada indivíduo, essenciais ao funcionamento mental, normal e patológico. Os sintomas aparecem a partir de comportamentos e representações cognitivas disfuncionais, aprendidas e reforçadas pela experiência.

A Terapia Cognitivo-Comportamental atua nas mudanças dos pensamentos automáticos, almejando eliminar as reações prejudiciais; reestrutura as crenças intermediárias, mudando conclusões do paciente sobre eventos e percepções deles; e amplia a concepção das situações em que o paciente está envolvido, estabelecendo comportamentos alternativos, resolução de problemas, entre outros. Além disso, busca atuar nas crenças centrais para diminuir a formação e reforços de novas crenças que podem surgir, diminuindo a recaída e interrompendo o ciclo em que as reações inadequadas reforçam as crenças mal adaptadas e geram novos pensamentos automáticos e comportamentos inadequados. Apostamos no alívio das angústias, ansiedades e outros transtornos, através das alterações provocadas no modo como a pessoa percebe e se comporta no mundo e em suas relações, buscando sempre a harmonia entre seus pensamentos e sentimentos, tornando-a mais adaptada e funcional para seu ambiente.

Pensamentos Automáticos seria o nível mais superficial do pensamento. Caracterizam-se por serem rápidos, repentinos, involuntários. Podem ser ativados por eventos internos ou externos e existem em duas formas: em forma de palavras não faladas e de imagens;

Este vídeo fala dos pensamentos automáticos, distorções cognitivas e como melhorar seu bem estar de maneira lúdica e didática. Foi traduzido e legendado sem fins lucrativos, original publicado por WatchWellCast.

Nayara Benevenuto Peron

Psicóloga e Terapeuta Cognitivo-Comportamental

PSICÓLOGA Especialista em terapia cognitiva-comportamental com adultos e tem formação em terapia cognitiva sexual além de atuar na avaliação bariátrica. Clique para marcar uma consulta comigo
Casule Play

Os pensamentos automáticos

Se você quiser saber mais ou conversar com um dos nossos profissionais sobre Os pensamentos automáticos, você pode  agendar o seu horário clicando aqui. Ou você pode ver mais sobre Terapia Online, Acompanhamento semanal com nossa Nutricionista ou Como ter mais produtividade com o nosso Coach!
Nayara Benevenuto, aqui no Blog.
PSICÓLOGA Especialista em terapia cognitiva-comportamental com adultos e tem formação em terapia cognitiva sexual além de atuar na avaliação bariátrica. Clique para marcar uma consulta comigo

O que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários sua opinião sobre: Os pensamentos automáticos.

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

5 sinais clássicos que você se cobra demais

5 sinais clássicos que você se cobra demais

Como lidar com a sensação incômoda de autocobrança excessiva? Como lidar com aquela voz que fica na nossa cabeça falando “você deveria ter feito isso”, “eu deveria dar conta… “você não podia ter feito aquilo”, “você podia ter feito diferente”, “porque eu sou assim?”, dentre outras tantas frases de cobrança que nós mesmos fazemos conosco.

Entenda o caso: mulher flagrada com mendigo

A notícia do envolvimento de uma mulher com um morador de rua trouxe muita repercussão na mídia. A mulher foi extremamente exposta e o morador de rua infelizmente teve "dias de glória". Mas o que pode explicar esse surto que a mulher teve? Neste vídeo, a Dra. Cristiane Schumann levanta algumas hipóteses e explica o que é transtorno bipolar do humor com sintomas psicóticos, em estado hipomaníaco. Lembrando que o mais importante é que saúde mental da mulher seja reabilitada e as pessoas esqueçam rápido o que aconteceu e a ajude nesse processo de recuperação.
Leia mais

Perigo! Exercícios em excesso

Neste vídeo, a Dra Cristiane Schumann fala sobre vigorexia. Um transtorno onde já uma distorção da imagem corporal e a pessoa tende a se ver menos “forte” do que ela realmente é. Com isto, há uma necessidade constante por musculação, atividade física em busca de um corpo muscularmente perfeito.
Leia mais

A importância de dizer ‘não’

Você é o amigo bonzinho que diz sim pra todo mundo? Muitas pessoas apresentam essa dificuldade de dizer não e isso pode atrapalhar nossa vida de várias maneiras. Nesse vídeo eu vou te mostrar a a importância de dizer não e te ajudar a falar sim pra você mesmo!
Leia mais
Tenha o total controle das suas emoções conte com a Casule para o seu bem-estar.
Share This