Distúrbio-de-processamento-auditivo-central-e-TDAH---Blog-Casule---Fonoaudiologa-Maria-Rezende

Distúrbio de processamento auditivo central e TDAH

Atualizado em 13/03/2019
Por Redatora Casule

Distúrbio de processamento auditivo central e TDAH

Atualizado em 13/03/2019
Por Redatora Casule
Junte-se a milhares de pessoas

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

Distúrbio de processamento auditivo central e TDAH

Processamento auditivo é um processo complexo que envolve diversas áreas cerebrais com a finalidade de perceber, organizar e integrar estímulos auditivos exclusivos ou concorrentes que permitem a identificação e a compreensão dos mesmos. Pessoas com o distúrbio de processamento auditivo escutam os sons, mas têm dificuldades de entendê-los, armazená-los e localizá-los.  O DPAC (Distúrbio do processamento auditivo central) é uma falha no sistema nervoso central. 

Algumas caraterísticas que pessoas com DPAC podem apresentar:

  • Dificuldade de ouvir o interlocutor na presença de ruído;
  • Dificuldade de localizar de onde vem o som;
  • Dificuldade de ler instruções e interpretá-las. Um exemplo é em relação às regras de jogos: há a capacidade de lê-las, mas a compreensão fica prejudicada;
  • Problemas em interpretar ritmo, ênfase e entonação;
  • Grande esforço para se manter concentrado;
  • Problemas de leitura, escrita e linguagem (dificuldade de contar uma estória, por exemplo).

O TDAH, por sua vez, é um distúrbio de atenção associado à hiperatividade e impulsividade, levando a problemas de atenção seletiva e sustentada, memória operacional e funções executivas com consequências na interação social, aprendizagem e organização temporal, espacial e executiva. Não existem exames específicos para seu diagnóstico, o qual depende da coleta de dados dos pais e da escola, sendo estes confrontados com os critérios do DSM-5 e escalas de avaliações específicas. 

TDAH---blog-Casule---fonoaudióloga-Maria-Rezende

Características que pessoas com TDAH podem apresentar:

  • Hiperatividade;
  • Desorganização motora e espacial;
  • Dificuldade de controle inibitório; 
  • Oscilação brusca de humor frente às frustrações;
  • Déficit de memória de trabalho não verbal e de funções executivas (pouca percepção de erros); 
  • Dificuldade em lidar com o tempo de cumprimento de tarefas, desorganização geral. 

Características comuns entre pessoas com DPAC e TDAH:

  • Desatenção auditiva;
  • Pouca memorização auditiva;
  • Dificuldades de leitura e de escrita e baixo rendimento escolar.

É importante que, em relação à criança a ser diagnosticada, na eminência de um destes dois transtornos, seja investigada a presença concomitante do outro. Como o diagnóstico do DPAC é realizado por meio de testes e exames bem específicos, muitas vezes descobre-se o DPAC e esquece-se da possibilidade da criança também ter TDAH. 

Tratamento indicado:

Para Distúrbio de Processamento Auditivo

Todas as dificuldades que aparecem no DPAC podem ser revertidas se tratadas adequadamente por equipe multiprofissional. O trabalho específico do profissional de Fonoaudiologia é, de forma direta, a intervenção terapêutica denominada Treinamento Auditivo. O Treinamento Auditivo, baseando-se no fato de que o cérebro humano é um órgão capaz de modificar e reorganizar suas conexões neurais, é uma técnica terapêutica que busca produzir essa reorganização neural no paciente por meio da aplicação de exercícios específicos e estimulação verbal e não verbal em diferentes contextos clínicos. A intervenção indireta ocorre com a orientação aos pais e aos educadores quando a adaptações necessárias na rotina diária.

Para TDAH

Além do uso de medicação, na diminuição e controle dos sintomas de TDAH são utilizadas algumas eficientes terapias, muitas vezes com atuação de equipe multiprofissional, e que tendem a produzir melhora considerável nos pacientes. A atuação do profissional de Fonoaudiologia envolve, a depender do quadro clínico específico de cada paciente: o aprimoramento das habilidades comunicativas (organização do discurso e ampliação do repertório linguístico), o aprimoramento do processamento auditivo (principalmente em relação às habilidades de atenção auditiva), e a aquisição ou aprimoramento das habilidades de leitura e escrita.

Palavras chaves: Distúrbio de Processamento auditivo central, TDAH, sintomas, tratamento.

Fonte: scielo, Neurosaber

Sou focada em achar o melhor conteúdo que já foi publicado na rede e trazer informações que são relevantes e agregam valor para você.
Casule Play

Distúrbio de processamento auditivo central e TDAH

Se você quiser saber mais ou conversar com um dos nossos profissionais sobre Distúrbio de processamento auditivo central e TDAH, você pode  agendar o seu horário clicando aqui. Ou você pode ver mais sobre Terapia Online, Acompanhamento semanal com nossa Nutricionista ou Como ter mais produtividade com o nosso Coach!
Redatora Casule, aqui no Blog.
Sou focada em achar o melhor conteúdo que já foi publicado na rede e trazer informações que são relevantes e agregam valor para você.

O que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários sua opinião sobre: Distúrbio de processamento auditivo central e TDAH.

0 comentários

5 sinais clássicos que você se cobra demais

5 sinais clássicos que você se cobra demais

Como lidar com a sensação incômoda de autocobrança excessiva? Como lidar com aquela voz que fica na nossa cabeça falando “você deveria ter feito isso”, “eu deveria dar conta… “você não podia ter feito aquilo”, “você podia ter feito diferente”, “porque eu sou assim?”, dentre outras tantas frases de cobrança que nós mesmos fazemos conosco.

3 estratégias para controlar seu dinheiro

Ser positivo é algo muito bom, porém quando falamos de dinheiro, devemos ser realistas e conhecer bem a nossa própria condição financeira. Por isso, ter inteligência emocional nas finanças se torna algo tão importante.
Leia mais

5 sinais clássicos que você se cobra demais

Como lidar com a sensação incômoda de autocobrança excessiva? Como lidar com aquela voz que fica na nossa cabeça falando “você deveria ter feito isso”, “eu deveria dar conta… “você não podia ter feito aquilo”, “você podia ter feito diferente”, “porque eu sou assim?”, dentre outras tantas frases de cobrança que nós mesmos fazemos conosco.
Leia mais

Geração Tik Tok: 3 vícios do momento

Uma tela de celular, um vídeo vertical e um minuto da sua vida. Esses três elementos são a essência do Tik Tok, a rede social de vídeos curtos que está viciando os jovens e já mudou os hábitos de consumo de vídeos de milhares de usuários. Você abre às 19h, e quando olha para o relógio novamente, já se passou uma hora.
Leia mais
Tenha o total controle das suas emoções conte com a Casule para o seu bem-estar.
Share This