fbpx
Como lidar com a timidez do seu filho?

Como lidar com a timidez do seu filho?

Atualizado em 17/03/2017
Por Redatora Casule

Como lidar com a timidez do seu filho?

Atualizado em 17/03/2017
Por Redatora Casule
Junte-se a milhares de pessoas

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

Como lidar com a timidez do seu filho?

Você já foi a uma festa de aniversário e ficou encantada (o) com o filho da sua amiga por ele ser totalmente desinibido? Ou com a filha da sua prima por ela adorar conversar com os adultos? É muito comum vermos as pessoas terem como ideal aquela criança comunicativa e que não tem vergonha de se relacionar com o próximo, mas a timidez em uma criança não é algo que deve ser encarado como um bicho de sete cabeças.

Cada criança possui uma personalidade e essa personalidade deve ser respeitada. Primeiramente você precisa entender que a timidez é um comportamento totalmente normal e não uma doença, pois é uma característica específica de cada um. No entanto, timidez em excesso pode afetar a criança em diferentes fatores, como no desempenho escolar, no relacionamento com colegas, problemas de autoestima e fobia social (até com pessoas da família). Neste caso, podemos considerá-la um problema.

Quando a timidez pode se manifestar

Uma criança tímida é aquela que não consegue manifestar o que pensa e sente ou que faz isso com pouca frequência. Isso acontece, principalmente, porque ela teme não ter aprovação dos outros, ou seja, essa criança se preocupa demais com o que os outros vão pensar e/ou reagir às suas ideias. Normalmente, existe um desconforto e inibição em situações de interação pessoal, até com pessoas mais próximas.

A timidez começa a se desenvolver em uma criança a partir do momento que ela começa a entender o que é certo e o que é errado – por volta dos 2 anos de idade. Ao se perceber como um ser independente, a criança passa a evitar aquilo que gera críticas, consequentemente surge a timidez, em que a criança prefere não entrar em certas situações para não correr o risco de errar ou ser criticada.

Alguns estudos apontam que três fatores levam uma criança a ser tímida: a genética, passada pelos familiares de forma biológica, a personalidade, característica da própria pessoa (ninguém é igual a ninguém) e o ambiente, que se refere às oportunidades que os pais dão para se expressar. Além disso, broncas em excesso também podem ocasionar a timidez exagerada na criança.

Quais são os sinais da timidez crônica

Existem dois tipos de timidez: a situacional e a crônica. A situacional é algo comum, que afeta não só crianças, mas muitos adultos. É aquela que ocorre em situações muito específicas, como dificuldade de falar em público, por exemplo. Já a timidez crônica é constante e envolve quase todas as situações do dia a dia.

A situacional é considerada normal (ninguém é obrigado a ser totalmente sociável em tudo e/ou em qualquer situação), mas a crônica atrapalha a vida da criança em diversas formas. A timidez crônica apresenta alguns sintomas físicos e emocionais que são facilmente percebidos:

Físicos

– Gaguejar;
– Rubor na face;
– Baixo volume de voz;
– Pouco contato visual;
– Pouca expressão corporal.

Emocionais

– Quando a criança começa a se isolar;
– Quando a criança não gosta de brincar;
– Quando a criança não consegue ficar longe dos pais;
– Não gosta de falar (mesmo que esteja certo ou que seja para alguma necessidade, como pedir para ir ao banheiro na escola, por exemplo).

A influência dos pais

É muito importante que os pais estejam atentos ao comportamento dos filhos. Mesmo que a timidez não seja uma doença, quando ela causa incapacidade de interação com outras pessoas, esse comportamento se torna um problema, podendo afetar no desenvolvimento social da criança e, consequentemente, na sua vida adulta.

Como os pais são referências para seus filhos, principalmente quando eles ainda são pequenos, é essencial que o pai e a mãe sejam modelos de comunicação, ou seja, criem situações para que os filhos possam interagir com outras crianças, mas claro, sem forçar. Não adianta querer que seu filho ou filha brinque com outras crianças contra a vontade dele ou pressioná-lo emocionalmente (como chama-lo de bobo por não querer brincar), pois esse tipo de atitude são inúteis e podem agravar o problema.

terapia-online-casule-bannerPowered by Rock Convert

É indicado que a criança vá ganhando confiança gradativamente. Dessa forma, ela vai querer, por conta própria, participar das atividades com outras crianças. Nesse sentido, os pais podem ajudar aproximando seu filho de outras crianças com características e gostos semelhantes.

Como lidar com a timidez do seu filho no dia a dia

– Estimule seu filho a ajudar o próximo, vários especialistas afirmam que esta é uma ótima forma de estimular o convívio social e vencer a timidez;

– Evite comparar seu filho com os outros, principalmente com os irmãos;

– Mantenha um diálogo frequente no dia a dia, pois a conversa entre pais e filhos aumenta a segurança da criança nela mesma.

– Bole brincadeiras para que seu filho se sinta a vontade em convidar os amigos para visitar sua casa. Desta forma, ele também ficará a vontade para visitar a casa dos colegas;

– Incentive seu filho, naturalmente, a cumprimentar as pessoas;

– Deixe que ele faça suas escolhas. No supermercado, por exemplo, deixa que ele conduza as compras. Ou no restaurante, deixe que ele faça o pedido para a família. Em caso de dificuldade, ajude a criança, mas deixe que ela fique no comando;

– Organize encontros com a família;

– Faça com que ele lhe conte histórias ou situações do dia a dia. E demonstre interesse por elas;

– Nunca deboche da criança em uma tentativa malsucedida, pelo contrário, elogie seu esforço em realizar alguma tarefa.

Se você quiser aprender mais sobre comportamento infantil, cadastre seu e-mail para receber materiais exclusivos. Se você tiver alguma dúvida pontual, comente usando o formulário abaixo e eu irei te responder assim que possível.

FONTE:http://eduqueseufilho.com.br/como-lidar-com-timidez-seu-filho/

banner-paisagem-ebook-manejo-da-ansiedade-v1.1-curtoPowered by Rock Convert

Como lidar com a timidez do seu filho?

Se você quiser saber mais ou conversar com um dos nossos profissionais sobre Como lidar com a timidez do seu filho?, você pode  agendar o seu horário clicando aqui.


Ou você pode ver mais sobre Terapia Online, Acompanhamento semanal com nossa Nutricionista ou Como ter mais produtividade com o nosso Coach!
Redatora Casule, aqui no Blog.
Sou focada em achar o melhor conteúdo que já foi publicado na rede e trazer informações que são relevantes e agregam valor para você.

O que você achou deste conteúdo?
Conte nos comentários sua opinião sobre: Como lidar com a timidez do seu filho?.


0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Dia do lixo
Na sua dieta tem “dia do lixo”?

Na sua dieta tem “dia do lixo”?

O dia do lixo é uma expressão usada para caracterizar o dia em que comemos em grandes quantidades, alimentos calóricos e super deliciosos! Mas será que essa prática é aconselhável? Contribui ou atrapalha o processo de emagrecimento? Saiba como agir assistindo a este vídeo completo.
A Saúde mental nos relacionamentos como ajudar um parceiro que está passando por algum transtorno psicológico!
A Saúde mental nos relacionamentos: como ajudar um parceiro que está passando por algum transtorno psicológico!

A Saúde mental nos relacionamentos: como ajudar um parceiro que está passando por algum transtorno psicológico!

Quando falamos sobre os transtornos mentais, nos referimos a uma série de alterações significativas no que diz respeito aos aspectos cognitivos, emocionais e comportamentais dos indivíduos e que podem afetar qualquer pessoa durante algum momento de sua trajetória. É uma condição que muitas vezes interfere diretamente na capacidade do indivíduo de enfrentar problemas cotidianos e sentir prazer na vida.
Transtorno bipolar
Transtorno Bipolar

Transtorno Bipolar

A variação de humor no nosso dia a dia é algo muito comum e normal! Passamos por diversas situações ao longo do dia, e da vida, e por consequência, nosso humor e nossas emoções podem se manifestar e alternar de formas diferentes. Mas quando essa mudança se torna um problema? Nesse vídeo vou te ensinar algumas características do Transtorno Bipolar, e te dar algumas dicas para lidar com pessoas que sofrem com essa desordem.

Aspectos psicológicos da dor

Como a Terapia Cognitiva pode ajudar a quem sofre de dor? O sofrimento que a dor proporciona ultrapassa o corpo, é também um sofrimento emocional. Cuidar das emoções pode ser o primeiro passo para que você aprenda a lidar com a dor. Entender o que está potencializando este incômodo pode te colocar no controle e ajudar a minimizar seus efeitos.
Leia mais
Aspectos psicológicos da dor

Como lidar com os ciúmes?

Aperte o play para escutar este conteúdo. Você é ciumento? Conhece alguém que seja? Sofre com isso? O ciúme é um sentimento que em excesso está relacionado a um padrão de...

Leia mais
Como lidar com os ciúmes

3 passos para cozinhar o próprio alimento

Cozinhar o próprio alimento se torna cada dia mais difícil por conta da rotina atarefada da maioria das pessoas. Mas será que vale a pena terceirizar nossa alimentação e deixar grande parte dela nas mãos do delivery, dos empacotados e congelados?
Leia mais
3-passos para cozinhar o proprio alimento

Somatização

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), ter saúde é diferente de não ter doença, isto quer dizer que ter saúde é usufruir de um bem-estar psíquico, biológico e social.
Leia mais
Somatização

A criança que eu já fui e o adulto que eu sou

Existe uma música que eu adoro chamada “A criança que eu fui um dia” ela é da Reverb Poesia e fala exatamente que à medida em que vamos crescendo, aprendemos a não sonhar, desaprendemos a sorrir, desaprendemos a brincar.
Leia mais
A criança que eu já fui e o adulto que eu sou

Características das pessoas controladoras

A necessidade de controle é um mecanismo de enfrentamento utilizado por muitas pessoas que tem dificuldades em lidar com suas próprias dores e emoções. Os indivíduos com um perfil controlador, geralmente, fazem uso do controle para sentirem-se seguros e se afastarem de reflexões que os levem a sofrimento.
Leia mais
CaracterIsticas-das-pessoas-controladoras

Gratidão!

Dentre os diferentes estados emocionais que o ser humano é capaz de experimentar, a gratidão é um dos mais relacionados à saúde mental e bem-estar. Tal estado está relacionado à percepção de ajuda e contribuição por parte de outros, evidenciando o amparo recebido e contribuições altruístas.
Leia mais
gratidao

5 Dicas de como ser mais Positivo

A negação, ou a negatividade, está mais presente na nossa vida do que a gente pode imaginar. Esse filtro negativo é um erro de pensamento, que como o próprio nome diz, direciona a nossa atenção para aquilo que comprova uma ideia negativa que eu tenho de mim mesmo, e me afasta cada vez mais de uma solução.
Leia mais
5 Dicas de como ser mais Positivo

Árvore dos Sonhos

A Árvore dos Sonhos é uma técnica da Psicologia Positiva onde a gente “pendura” na árvore todos os nossos sonhos; desde os mais simples (tipo um vestido de festa vermelho) até os mais complexos (fazer uma grande viagem ou se formar após um longo tempo sem estudar, por exemplo). São as vontades que nós temos de realizar algo em nossa vida.
Leia mais
Árvore-dos-Sonhos

TOC religioso

TOC religioso é uma das variações do Transtorno Obsessivo Compulsivo e nesse vídeo você vai aprender como identificá-lo e quando buscar ajudar.
Leia mais
TOC religioso
Tenha o total controle das suas emoções conte com a Casule para o seu bem-estar.
Share This