Comer-com-atencao-plena-nutricao-casule

Comer com atenção plena (Mindful eating)

Atualizado em 10/05/2019
Por Redatora Casule

Comer com atenção plena (Mindful eating)

Atualizado em 10/05/2019
Por Redatora Casule
Junte-se a milhares de pessoas

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

Comer com atenção plena (Mindful eating)

Você tem o hábito de se alimentar enquanto dirige? Mastiga poucas vezes e come rápido demais? Atende ao telefone ou responde as mensagens e e-mails enquanto almoça? Em meio a tantos afazeres do dia a dia, está cada vez mais comum observar pessoas comendo quando não estão com atenção plena: ou na frente da televisão, ou em pé e até mesmo pensando no que deixaram de fazer ou no que ainda vão fazer. Essa prática não só prejudica a digestão dos alimentos, mas também a liberação dos hormônios da saciedade. Sendo assim, comer sem atenção plena pode nos levar a ingerir muito mais que o necessário e acabar ganhando peso. 

A técnica do mindful eating ou comer com atenção plena vem sido praticada no Brasil desde 1990 e tem se mostrado eficaz não somente para o emagrecimento, mas para melhorar a relação do indivíduo com a comida, estabelecendo conexão com o alimento e proporcionando a melhor identificação do nível de saciedade durante e após a refeição.

Confira agora como praticar o midful eating de maneira fácil e simples, conhecendo os nove passos que vão te levar a comer com atenção plena:

1) Assente-se à mesa: coloque uma toalha, pratos e talheres que você goste. Desta forma você criará um ambiente propício para estar em companhia, fazendo da refeição um momento de socialização e comensalidade;

2) Coloque uma música relaxante e respire fundo;

3) Agradeça o alimento!! Fique imaginando de onde veio esse alimento. Para ele estar na sua mesa, alguém plantou, regou, cuidou, colheu, vendeu, alguém comprou e preparou. Medite, faça uma oração, um minuto de silêncio;

4) Observe a comida: suas cores, texturas, formas de preparo. Monte o prato com calma, bem bonito e colorido;

terapia-online-casule-banner

5) Feche os olhos. Assim, você aguça ainda mais os outros sentidos, como o olfato (sinta o aroma), o paladar (deixe o alimento derreter, passar por todas as papilas gustativas do sabor), a audição (escute o croc) e o tato (sinta a temperatura e a textura do alimento);

6) Deixe os talheres descansando entre uma garfada e outra: sair do piloto automático enquanto come é essencial;

7) Mastigue pelo menos 20 vezes. E se for um alimento mais difícil de ser digerido, como a carne, mastigue 30 vezes. Certifique-se que a mastigação fará com que o alimento passe sutilmente, líquido pela sua garganta;

8) Evite distrações de TV e celular: sem ser atraído por outra atividade, você ficará mais atento ao sinal de saciedade;

9) Caso esteja muito difícil comer com atenção plena, troque o talher para sua mão não dominante. Desta forma, você precisará de mais concentração, cognição e atenção ao comer.

É claro que fazer todos estes passos em todas as refeições do dia pode ser inviável. Mas lançar mão de uma ou duas refeições em horários mais tranqüilos do seu dia ou praticar o mindful eating aos fins de semana, já será de grande valia para resgatar a atenção ao comer. Experimente!

Guia com as 15 Técnicas para reduzir a ansiedade
Casule Play

Comer com atenção plena (Mindful eating)

Se você quiser saber mais ou conversar com um dos nossos profissionais sobre Comer com atenção plena (Mindful eating), você pode  agendar o seu horário clicando aqui.


Ou você pode ver mais sobre Terapia Online, Acompanhamento semanal com nossa Nutricionista ou Como ter mais produtividade com o nosso Coach!
Redatora Casule, aqui no Blog.
Sou focada em achar o melhor conteúdo que já foi publicado na rede e trazer informações que são relevantes e agregam valor para você.

O que você achou deste conteúdo?
Conte nos comentários sua opinião sobre: Comer com atenção plena (Mindful eating).


0 comentários

Relacionamento-à-distância-dá-certo-BLOG
Relacionamento a distância dá certo?

Relacionamento a distância dá certo?

Neste vídeo, nossa psicóloga Cristiane Schumann fala sobre as principais dificuldades enfrentadas por casais de se relacionam à distância. Dra. Cristiane explica, por exemplo o aumento das desconfianças, ciúmes e conflitos que o casal passa a ter. E dá dicas espetaculares para amenizar os afeitos da distância, da insegurança e da saudade.
Mitos e verdades sobre a psicoterapia
Mitos e verdades sobre a psicoterapia

Mitos e verdades sobre a psicoterapia

Apesar de a psicoterapia estar ganhando seu merecido espaço na atualidade, ainda existem pessoas que resistem a procurar ajuda de um profissional quando têm algum tipo de sofrimento psíquico, seja ele no âmbito pessoal, seja nos relacionamentos. Atualmente, estamos falando mais sobre a importância da saúde mental e de cuidar das emoções, mas é importante desmitificar alguns pontos que ainda persistem.
ativação mental da depressão
Ativação comportamental na depressão

Ativação comportamental na depressão

A depressão é um tipo de transtorno mental que pode se tornar incapacitante dependendo do nível de adoecimento psíquico que o indivíduo se encontra. É caracterizado pela alteração de humor, sendo presente sentimentos de tristeza, apatia, vazio ou irritabilidade, acompanhado de alterações somáticas e cognitivas que afetam de forma significativa a capacidade de funcionamento do indivíduo, podendo estar associada a pensamentos suicidas.

As 4 formas mais comuns de violência infantil

Embora a violência infantil seja um assunto difícil de ser abordado, seu debate é de extrema importância. Em primeiro lugar porque ela está presente no cotidiano de muitas crianças e adolescentes brasileiros, se mostrando como um grande problema de saúde pública, além disso, ela pode afetar profundamente a vida das vítimas.
Leia mais
4-formas-mais-comuns-de-violencia-infantil-BLOG

Adoecimento Psicológico causado pela Pandemia

Desde o início da pandemia, ouvimos falar muito sobre os efeitos do vírus no corpo e suas possíveis consequências físicas. Pouco se fala sobre o aumento de pessoas com adoecimento emocional, manifestados exatamente por esse período de isolamento, medo, angústias e dúvidas.
Leia mais
Adoecimento Psicológico causado pela Pandemia

Quando a ansiedade se torna um problema?

Você tem sofrido com ansiedade? Sabe quando ela se torna um problema? Nesse vídeo te explico o que é a ansiedade e te ajudo a identificar quando ela se torna prejudicial em nossas vidas.
Leia mais
Quando-a-ansiedade-se-torna-um-problema-BLOG

O que fazer diante de uma escolha difícil?

Alguma vez na vida já tivemos que lidar com um dilema ou uma decisão difícil. Quando estamos nessas situações, nossa mente facilmente entra em ação, tentando descobrir o que fazer, para "fazer a decisão correta".
Leia mais
O-que-fazer-diante-de-uma-escolha-dificil

Você sabe o que é fibromialgia?

A fibromialgia é uma síndrome que tem afetado muitas pessoas, principalmente mulheres entre os 30 e 50 anos. Ela é caracterizada pelo aumento da sensibilidade dolorosa em diversos pontos do corpo e acompanha também alguns outros sintomas como: distúrbio do sono, fadiga, ansiedade e depressão.⁣
Leia mais
Você sabe o que é fibromialgia

Sempre antecipo que algo ruim vai acontecer

Você é daquelas pessoas que sempre fica ansiosa e antecipa que algo ruim, catastrófico vai acontecer... que ao criar expectativas, associa a elas um tom de negatividade, de que possivelmente não dará certo?
Leia mais
Antecipação-negativa-BLOG
Tenha o total controle das suas emoções conte com a Casule para o seu bem-estar.
Share This