Você sabe como suprimir aquele hábito ruim - casule

Você sabe como suprimir aquele hábito ruim?!

Atualizado em 12/12/2017
Por Redatora Casule

Você sabe como suprimir aquele hábito ruim?!

Atualizado em 12/12/2017
Por Redatora Casule
Junte-se a milhares de pessoas

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

Você sabe como suprimir aquele hábito ruim?!

Se sim, deixe nos comentários como você fez. Compartilhar esse tipo de conhecimento pode ajudar alguém rapidamente.

Se não, esse texto vai te proporcionar uma opção viável que conduzida por um profissional, um psicólogo, será possível que você consiga se livrar daquele hábito, tique, mania que você tem consciência que não te faz bem, mas que você não consegue parar.

A Técnica chamada: Reversão de Hábitos é um procedimento comportamental onde vamos substituir um hábito nocivo por outro inofensivo.

O primeiro passo é a conscientização do tique, o que faz com que a sua ocorrência se torne uma situação desagradável, podendo levar a sua supressão espontânea. A pessoa pode se engajar na realização de outro comportamento que concorre com o tique usando apenas o treino de conscientização. O paciente é instruído com o objetivo de aumentar sua consciência sobre o mesmo, podendo assim ponderar e perceber o quão nocivo é aquele hábito. O terapeuta procura, com a ajuda do paciente, identificar os tiques e descrevê-los do ponto de vista físico (Descrever o tique). Um espelho pode ajudar na auto-observação. É importante perceber em que momentos o tique é emitido, qual a sua frequência (Identificar o tique).

A técnica requer tempo e persistência, fatores fundamentais para qualquer mudança.

terapia-online-casule-banner

Em seguida é trabalhado com o paciente a identificação e o reconhecimento do momento que precede o tique. Para isto, é necessário que o paciente já conheça suas próprias sensações, sentimentos e pensamentos que antecedem o tique (Estado de Alerta), processo esse de fundamentalmente importância ter um suporte psicólogo para conseguir alcançar.

Passando assim para o próximo passo de desenvolver um comportamento competitivo ou concorrente com o tique: esse (Comportamento de competição) costuma ser alguma ação corporal de evitação do hábito, por exemplo: você pode colocar as mãos no bolso quando perceber que irá comer unha ou mesmo colocar uma bala/chiclete na boca para não colocar os dedos. Se você prática a Tricotilomania (se não conhece o termo, clique nesse link: Vídeo Tricotilomania) você pode apertar uma bolinha de fisioterapia ou mesmo outro objetivo que ocupe a sua mão até que a vontade passe. Buscando sempre identificar os comportamentos que não têm sido adequados às situações cotidianas (Revisar os comportamentos indesejáveis). Nessa etapa, terapeuta e paciente procuram, juntos, estimular o engajamento em comportamentos concorrentes com os indesejáveis.

Durante todo o processo sempre que o paciente consegue ficar um tempo sem emitir um tique ou mania, o terapeuta, assim como familiares e amigos, devem ressaltar a importância ou fornecer uma recompensa (elogio, presente, parabenizações, etc.) que sejam gratificantes para o mesmo, um reforço pelo êxito obtido (Enriquecer o suporte social).

 Conseguindo enfrentar os tiques dentro dos ambientes fechados (a casa do paciente, o consultório, a casa dos pais ou parceiro [a]) é preciso iniciar-se a fase de tentar fazer a mesma coisa em situações cotidianas do paciente: o trabalho; a academia; a faculdade, entre outros (Estimular a exposição pública). O terapeuta programa atividades e exercícios para que o controle dos tiques e comportamentos competitivos ocorra em novos ambientes e com diferentes pessoas, sempre buscando superar níveis de complexidades dos maus hábitos.

Por fim é válido ressaltar que existem 4 fatores fundamentais para colocar esse processo em prática: Treinamento de AutoconsciênciaTreinamento de Relaxamento (que o terapeuta ensinará para a pessoa relaxar em momentos de estresse extremo); Resposta Competitiva e Inclusão Social (ajuda e incentivo da família, professores e amigos). Todos aprendidos e elaborados, sempre, junto de um profissional qualificado que poderá te orientar e ajudar durante todo o processo.

Guia com as 15 Técnicas para reduzir a ansiedade
Sou focada em achar o melhor conteúdo que já foi publicado na rede e trazer informações que são relevantes e agregam valor para você.
Casule Play

Você sabe como suprimir aquele hábito ruim?!

Se você quiser saber mais ou conversar com um dos nossos profissionais sobre Você sabe como suprimir aquele hábito ruim?!, você pode  agendar o seu horário clicando aqui. Ou você pode ver mais sobre Terapia Online, Acompanhamento semanal com nossa Nutricionista ou Como ter mais produtividade com o nosso Coach!
Redatora Casule, aqui no Blog.
Sou focada em achar o melhor conteúdo que já foi publicado na rede e trazer informações que são relevantes e agregam valor para você.

O que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários sua opinião sobre: Você sabe como suprimir aquele hábito ruim?!.

0 comentários

A mulher em cada fase do ciclo menstrual

Mulher, você sente que seu humor muda muito em cada momento do mês? Isso pode estar relacionado a cada fase do ciclo menstrual. Venha ver esse vídeo, se conhecer e entender como agir em cada momento desta fase.
Leia mais

Vivendo no piloto automático

Você sabia que você pode estar vivendo no piloto automático? No vídeo de hoje vamos falar sobre como podemos ter pensamentos, sentimentos e comportamentos sem mesmo nos darmos conta que eles estão lá!
Leia mais

As 5 linguagens do autoamor

Neste vídeo, Cris Schumann fala sobre as 5 linguagens do autoamor e a como desenvolver uma admiração e valorização maior sobre si mesmo.
Leia mais
Tenha o total controle das suas emoções conte com a Casule para o seu bem-estar.
Share This