Você-está-preparado-para-o-mercado-de-trabalho---psicóloga---Cristina---Casule

Você está preparado para o mercado de trabalho?

Atualizado em 18/10/2018
Por Cristina Daret

Você está preparado para o mercado de trabalho?

Atualizado em 18/10/2018
Por Cristina Daret
Junte-se a milhares de pessoas

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

Você está preparado para o mercado de trabalho?

Você foi aprovado no curso que tanto sonhava? Você acredita que cursar o ensino superior ou um curso técnico irá te proporcionar melhores condições de vida no futuro? Mas será que isso basta?

Certamente, ser aprovado em uma instituição de ensino técnico ou superior é um passo importantíssimo na caminhada para o sucesso profissional, especialmente se você conquistar uma aprovação em uma instituição de ensino bem conceituada. Mas devemos ter em mente que não basta apenas a aprovação.

terapia-online-casule-banner

Um erro comum de cometermos é o fato de acreditarmos, que termos feito uma boa escolha da nossa profissão é o suficiente. Quando isso ocorre, por vezes acabamos não nos comprometendo com a nossa necessidade de orientar a nossa formação para que possamos ter resultados ainda mais positivos.

  • Algumas atitudes durante a graduação podem ajudar no processo de enriquecimento do seu currículo e da busca por oportunidades após a formatura:
  • Conheça o seu curso: saiba quais são as opções de atuação do profissional na sua área;
    Autoconhecimento: descubra quais são as coisas que te interessam e de que forma você se imagina como profissional;
  • Planeje a sua formação: sabendo quais são as suas áreas de interesse, fica mais fácil buscar estágios, projetos de pesquisa, disciplinas não obrigatórias, realizar intercâmbios, etc;
  • Faça estágios: busque durante a sua formação fazer o maior número possível de estágios, ainda que sejam sem remuneração e trabalhos em ONG’s com as quais você se identifique;
  • Busque formações: aproveite a graduação para fazer cursos extracurriculares e aprender ou aprimorar outras línguas;
  • Tenha um currículo interessante para a área acadêmica: caso você se interesse pela área acadêmica esteja atento para que seu currículo possua os itens que contam pontos na avaliação para o mestrado, por exemplo. Não deixe para pensar nisso apenas no último ano.
  • Procure saber sobre as oportunidades de emprego na sua área de interesse: saiba quais são as empresas que oferecem oportunidades para a sua área de formação, se existem oportunidades para a sua cidade ou se é necessário mudar, etc

 

Lembre-se que a qualidade da sua formação não depende somente da instituição de ensino. Responsabilizar-se pela sua trajetória acadêmica é o primeiro passo para ter boas oportunidades após a sua formatura, ainda que não possua experiências registradas em carteira de trabalho.

Guia com as 15 Técnicas para reduzir a ansiedade
Psicóloga, pós-graduada em Terapia Cognitivo Comportamental. Conheça o meu Instagram. | Clique para marcar uma consulta comigo
Casule Play

Você está preparado para o mercado de trabalho?

Se você quiser saber mais ou conversar com um dos nossos profissionais sobre Você está preparado para o mercado de trabalho?, você pode  agendar o seu horário clicando aqui. Ou você pode ver mais sobre Terapia Online, Acompanhamento semanal com nossa Nutricionista ou Como ter mais produtividade com o nosso Coach!
Cristina Daret, aqui no Blog.
Psicóloga, pós-graduada em Terapia Cognitivo Comportamental. Conheça o meu Instagram. | Clique para marcar uma consulta comigo

O que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários sua opinião sobre: Você está preparado para o mercado de trabalho?.

0 comentários

5 sinais clássicos que você se cobra demais

5 sinais clássicos que você se cobra demais

Como lidar com a sensação incômoda de autocobrança excessiva? Como lidar com aquela voz que fica na nossa cabeça falando “você deveria ter feito isso”, “eu deveria dar conta… “você não podia ter feito aquilo”, “você podia ter feito diferente”, “porque eu sou assim?”, dentre outras tantas frases de cobrança que nós mesmos fazemos conosco.

3 estratégias para controlar seu dinheiro

Ser positivo é algo muito bom, porém quando falamos de dinheiro, devemos ser realistas e conhecer bem a nossa própria condição financeira. Por isso, ter inteligência emocional nas finanças se torna algo tão importante.
Leia mais

5 sinais clássicos que você se cobra demais

Como lidar com a sensação incômoda de autocobrança excessiva? Como lidar com aquela voz que fica na nossa cabeça falando “você deveria ter feito isso”, “eu deveria dar conta… “você não podia ter feito aquilo”, “você podia ter feito diferente”, “porque eu sou assim?”, dentre outras tantas frases de cobrança que nós mesmos fazemos conosco.
Leia mais

Geração Tik Tok: 3 vícios do momento

Uma tela de celular, um vídeo vertical e um minuto da sua vida. Esses três elementos são a essência do Tik Tok, a rede social de vídeos curtos que está viciando os jovens e já mudou os hábitos de consumo de vídeos de milhares de usuários. Você abre às 19h, e quando olha para o relógio novamente, já se passou uma hora.
Leia mais
Tenha o total controle das suas emoções conte com a Casule para o seu bem-estar.
Share This