Você tem medo de falar em público?

Atualizado em 07/10/2020
Por Redatora Casule

Você tem medo de falar em público?

Atualizado em 07/10/2020
Por Redatora Casule
Junte-se a milhares de pessoas

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

Você tem medo de falar em público?

Aperte o play para escutar este conteúdo.

O medo de falar em público é muito comum. Ou você mesmo tem esse medo ou conhece alguém que tem, não é? É chamado de glossofobia quando esse medo tem proporções exageradas a ponto de paralisar e não permitir que a pessoa tente vencer este medo por si só.

Só de pensar que vai ter que falar para uma plateia, por menor que seja, a pessoa tem taquicardia, tremores, sudorese, a perna fica bamba, dá uma queimação no estômago, dor de barriga, pensamentos derrotistas, começa a imaginar cenários desastrosos e por aí vai. Sintomas típicos de ansiedade, isso mesmo, quem tem medo de falar em público tem crises de ansiedade só de pensar na situação. 

Este medo não tem a ver com o grau de dificuldade do assunto que você vai falar, nem com o quanto você estudou ou se preparou para determinada apresentação e não tem a ver também com a sua aparência física ou o quanto você está satisfeito com ela. 

Pessoas que se sentem desconfortáveis ao falar para os outros têm um padrão elevado de auto cobrança, têm uma crença que os faz acreditar que por mais que estudem e se preparem, serão avaliados negativamente pelo público que está ali, assistindo.

Estar em evidência pode trazer a impressão de vulnerabilidade

Estar em evidência nos coloca numa posição vulnerável, de ser avaliados, mas não necessariamente de forma negativa como pensam os que têm medo de falar em público. E por isso, o medo em proporções menores é um fator de proteção e faz com que você se prepare, estude, se preocupe em apresentar uma boa palestra. 

É certo que muitas pessoas já têm uma certa facilidade em se expressar, já possuem uma relação mais íntima com a exposição, com estar em evidência e por isso estão neste lugar com mais tranquilidade, mesmo assim uma certa dose de medo ou ansiedade ainda estará presente. Assim como alguns têm mais facilidade para tocar um instrumento ou têm a voz mais afiada para o canto, por exemplo, e mesmo assim precisam treinar, ensaiar e praticar para que consigam aprimorar seus talentos.

Mas como fazer para vencer este medo?

Para aprender a lidar com ele é preciso que você o conheça e identifique o que ele desperta em seu corpo física e emocionalmente.

Precisa entender primeiro qual o gatilho que desencadeia o medo em você. Falar para grandes públicos ou independe do número de pessoas? Falar para desconhecidos ou quando tem um conhecido na plateia você já se abala? Presencialmente ou pela internet?

terapia-online-casule-banner

Sabe aqueles sintomas de ansiedade que foram falados logo no começo deste texto? Então, eles sinalizam que nosso sistema nervoso simpático está ativado e é ele que nos avisa que estamos com muito medo e ansiedade. Quais sintomas se manifestam em seu corpo? Qual a intensidade deles? São suficientes para te paralisar ou só te deixam um pouco ansioso?

Além dos sintomas físicos, quais os pensamentos passam pela sua cabeça neste momento? É importante que você tome consciência deles por que, segundo Aaron Beck, o criador da Terapia Cognitiva, “não é a situação em si que determina o que a pessoa sente, mas como ela interpreta uma situação.” A forma como você encara a situação de estar em evidência vai definir o grau de ansiedade e medo diante da situação. Qual o significado deste pensamento? O que ele diz sobre você?

A partir de toda essa reflexão você vai tomar dimensão do medo que você está sentindo e começar a lidar com ele. Não é se livrar dele e sim, LIDAR com ele, pois como já foi dito, o medo e a ansiedade têm uma importante função na nossa vida, assim como todas as nossas emoções que servem para nos sinalizar, nos guiar.

Procure um profissional da psicologia, caso seja o seu caso! A terapia cognitiva pode te ajudar! 

Terapia Casule

A Casule é uma clínica que pensa na sua saúde e no seu bem-estar que atende de forma presencial e online. Isso faz que possamos cuidar de pessoas em qualquer parte do Brasil e do Mundo!

Venha nos conhecer! Marque uma conversa com nossos terapeutas clicando aqui!

Curtiu o texto? Fica a vontade para relaxar com a gente, conheça nossos áudios de relaxamento, é GRÁTIS!

Compartilhe também a Casule em suas redes sociais, InstagramFacebook e Youtube

Guia com as 15 Técnicas para reduzir a ansiedade
Casule Play

Você tem medo de falar em público?

Se você quiser saber mais ou conversar com um dos nossos profissionais sobre Você tem medo de falar em público?, você pode  agendar o seu horário clicando aqui. Ou você pode ver mais sobre Terapia Online, Acompanhamento semanal com nossa Nutricionista ou Como ter mais produtividade com o nosso Coach!
Redatora Casule, aqui no Blog.
Sou focada em achar o melhor conteúdo que já foi publicado na rede e trazer informações que são relevantes e agregam valor para você.

O que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários sua opinião sobre: Você tem medo de falar em público?.

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Como tratar a Fobia Social
Como tratar a Fobia Social

Como tratar a Fobia Social

A ansiedade ou fobia social é quando a pessoa no contato social, no contato com o outro tem o seu objeto fóbico de medo, de ansiedade. Assim, qualquer circunstância que ela precise se expor a uma situação social desde as mais simples, como por exemplo, cumprimentar alguém, fazer ou receber um elogio, ela já sente uma ansiedade extrema e com sintomas físicos.
Fome fisiológica versus Fome emocional
Fome fisiológica x Fome emocional

Fome fisiológica x Fome emocional

Não é incomum se deparar com situações e períodos estressantes na vida da maioria das pessoas e uma das primeiras consequências é sair da dieta. Por essa razão a fome fisiológica (homeostática) muitas vezes pode ser confundida com a fome emocional (hedônica). E como diferenciá-las?

O tripé da Autoestima?

Autoestima é um dos assuntos mais falados no momento. E, apesar de aparecer sempre muito atrelado à autoimagem (forma como o indivíduo se enxerga), ela é muito mais que isso.
Leia mais
O tripé da Autoestima

Dicas para lidar com a insônia

Você sabia que os nossos comportamentos e atitudes durante o dia estão totalmente ligados com o nosso sono? Por isso, nesse vídeo, abordei quais são os tipos de insônia, e sugeri algumas mudanças para que você pode adaptar a sua rotina, e como consequência, melhorar a qualidade do seu sono.
Leia mais
Dicas-para-lidar-com-a-Insônia

Objetivos da Orientação Profissional

A Orientação Profissional é um processo de avaliação que auxilia qualquer pessoa, independente da idade, a escolher uma faculdade ou um curso profissionalizante, e até mesmo mudar de carreira.
Leia mais
Tenha o total controle das suas emoções conte com a Casule para o seu bem-estar.
Share This