respiração_bucal

Consequências da respiração oral, você sabe quais são?

Atualizado em 24/08/2017
Por Redatora Casule

Consequências da respiração oral, você sabe quais são?

Atualizado em 24/08/2017
Por Redatora Casule
Junte-se a milhares de pessoas

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

Consequências da respiração oral, você sabe quais são?

Você sabia que a respiração realizada pela boca pode trazer muitas consequências negativas para a vida do indivíduo?

A entrada de ar por via nasal acontece desde o nascimento e é a porta de entrada natural do ar em nossas vias respiratórias. A respiração nasal garante o preparo para que o ar do meio externo chegue aquecido, filtrado e umidificado no interior do nosso corpo, protegendo as vias aéreas. Além disso, esse tipo de respiração favorece o posicionamento correto dos órgãos fonoarticulatórios, proporcionando o desenvolvimento normal das funções de fonação, mastigação e deglutição, além do desenvolvimento e do crescimento adequado do complexo craniofacial e equilíbrio postural. Para que a respiração nasal ocorra é necessário que haja o selamento da boca. Caso esse selamento não ocorra, acontece a respiração oral (bucal).

Algumas das causas mais comuns que podem desencadear a respiração oral são:

terapia-online-casule-banner
  • Desvio de septo
  • Rinite
  • Sinusite
  • Hipertrofia de algumas estruturas nasais ou faciais
  • Flacidez dos músculos da face
  • Tipologia facial
  • Tipo de oclusão dentária

Alguns dos sinais mais comuns do respirador oral incluem olheiras, lábios, língua e/ou bochechas com pouca força, narinas estreitas, lábios secos, lábio superior curto, mastigação de boca aberta, assimetria da face e alterações posturais.

Consequências

respiração oral pode ter como consequências falta de ar, cansaço rápido nas atividades físicas, diminuição do olfato e do paladar, dores musculares nas costas e pescoço, alterações na fala, apneia do sono, ronco, bruxismo e dor de cabeça, além de alterações comportamentais como irritabilidade, dificuldade de concentração, sono agitado e diminuição do rendimento.

Tratamento

O tratamento do respirador oral deverá ocorrer em conjunto com diversos profissionais, como médicos, ortodontistas, fisioterapeutas e fonoaudiólogos. A atuação fonoaudiológica pode contribuir para a qualidade de vida desse paciente. Ela ocorre através da terapia miofuncional, que tem como objetivo oferecer ao paciente condições de reestabelecer a respiração nasal, sendo a conscientização e a propriocepção os guias da terapia. Além disso, trabalham-se com exercícios para os músculos (força e mobilidade) e para as funções orofaciais.

Guia com as 15 Técnicas para reduzir a ansiedade
Sou focada em achar o melhor conteúdo que já foi publicado na rede e trazer informações que são relevantes e agregam valor para você.
Casule Play

Consequências da respiração oral, você sabe quais são?

Se você quiser saber mais ou conversar com um dos nossos profissionais sobre Consequências da respiração oral, você sabe quais são?, você pode  agendar o seu horário clicando aqui. Ou você pode ver mais sobre Terapia Online, Acompanhamento semanal com nossa Nutricionista ou Como ter mais produtividade com o nosso Coach!
Redatora Casule, aqui no Blog.
Sou focada em achar o melhor conteúdo que já foi publicado na rede e trazer informações que são relevantes e agregam valor para você.

O que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários sua opinião sobre: Consequências da respiração oral, você sabe quais são?.

0 comentários

8 Dicas para melhorar a sua autoestima

8 Dicas para melhorar a sua autoestima

Tem dias que você acorda e não se sente satisfeito com o que é? Não consegue sentir orgulho do que faz e das suas conquistas? Tem dificuldade de enxergar seus pontos fortes e suas qualidades? Pois é, você pode estar com baixa autoestima e isso é muito comum de acontecer. Buscar meios para melhorar a autoestima é um grande passo. Seja através da leitura de um livro sobre o assunto, pesquisas, assistindo vídeos ou mesmo através da ajuda profissional.
5 sinais clássicos que você se cobra demais

5 sinais clássicos que você se cobra demais

Como lidar com a sensação incômoda de autocobrança excessiva? Como lidar com aquela voz que fica na nossa cabeça falando “você deveria ter feito isso”, “eu deveria dar conta… “você não podia ter feito aquilo”, “você podia ter feito diferente”, “porque eu sou assim?”, dentre outras tantas frases de cobrança que nós mesmos fazemos conosco.

6 dicas para lidar com a traição

A descoberta de uma traição é capaz de transformar qualquer relacionamento amoroso, seja namoro ou casamento. A vida do casal pode mudar para melhor ou piorar consideravelmente, mas, com certeza, nunca mais será a mesma.
Leia mais

3 estratégias para controlar seu dinheiro

Ser positivo é algo muito bom, porém quando falamos de dinheiro, devemos ser realistas e conhecer bem a nossa própria condição financeira. Por isso, ter inteligência emocional nas finanças se torna algo tão importante.
Leia mais

5 sinais clássicos que você se cobra demais

Como lidar com a sensação incômoda de autocobrança excessiva? Como lidar com aquela voz que fica na nossa cabeça falando “você deveria ter feito isso”, “eu deveria dar conta… “você não podia ter feito aquilo”, “você podia ter feito diferente”, “porque eu sou assim?”, dentre outras tantas frases de cobrança que nós mesmos fazemos conosco.
Leia mais

Geração Tik Tok: 3 vícios do momento

Uma tela de celular, um vídeo vertical e um minuto da sua vida. Esses três elementos são a essência do Tik Tok, a rede social de vídeos curtos que está viciando os jovens e já mudou os hábitos de consumo de vídeos de milhares de usuários. Você abre às 19h, e quando olha para o relógio novamente, já se passou uma hora.
Leia mais
Tenha o total controle das suas emoções conte com a Casule para o seu bem-estar.
Share This