Perturbação de Personalidade Evitante

Atualizado em 11/11/2015
Por Redatora Casule

Perturbação de Personalidade Evitante

Atualizado em 11/11/2015
Por Redatora Casule
Junte-se a milhares de pessoas

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

Perturbação de Personalidade Evitante

casule-psicologia-personalidade-evitante

Já imaginou como seria sentir-se permanentemente inibido quando está com outras pessoas? Como seria difícil sentir que não se consegue integrar, porque não é como os outros? E se, para além do referido, sentisse cada pequeno comentário negativo como uma grande ofensa, que confirma cada vez mais a sua postura de afastamento em relação ao contacto com os outros?

Não seria fácil, pois não?

Isto é o que sente na pele quem sofre de Perturbação Evitante da Personalidade. Ocorre-lhe alguém que conheça? O que está a ler encaixa com o que sente e para o qual nunca encontrou explicação? Espero que a seguinte descrição o possa ajudar a compreender melhor esta perturbação e, porque não, o motive a procurar ajuda, no sentido de obter uma maior qualidade de vida. Afinal, sofrer em silêncio não só agrava a situação, como em nada contribui para uma evolução positiva.

terapia-online-casule-banner

Apesar de ter inicio na idade adulta, alguns autores defendem que, já na infância, é possível encontrarmos alguns padrões de comportamento que podem ser indicadores do desenvolvimento futuro de uma Perturbação Evitante da Personalidade. Referimo-nos a timidez, isolamento (particularmente visível no recreio) e medo de estranhos e de situações novas, desconhecidas. No entanto, tal não se constitui como uma obrigatoriedade, sendo que a timidez pode não evoluir para este quadro na vida adulta, mas antes dissipar-se gradualmente. Se existir um agravamento desta timidez ao longo da adolescência, podemos estar perante um futuro caso de Perturbação Evitante da Personalidade.

Já pensou nas consequências negativas que isto implica? Durante a adolescência e início da idade adulta as relações sociais com novas pessoas são particularmente importantes. Quanto pode ser doloroso sentir que não conseguimos ter relação com as pessoas que nos rodeiam por medo? Medo de falar, de ter um comportamento que possa ser considerado como desadequado, desadaptado, de dizer algum disparate, de não ser aceite, de ser criticado ou humilhado pelos outros… Em suma, estar fechado dentro de uma redoma, com a porta aberta, mas sem conseguir sair, poder vislumbrar como é o mundo lá fora, mas não conseguir partilhá-lo com os outros. É muito limitativo, não é?

Já na vida adulta e em contexto profissional, é frequente que rejeitem ofertas de promoção, pelo receio de que as novas responsabilidades se possam reflectir em críticas por parte dos colegas. O trabalho em grupo só é aceite após uma série de propostas generosas, baseadas em promessas de apoio e compreensão. Ao nível das relações com os outros, estas são evitadas até ao momento em que sejam vistas como seguras, ou seja, ausentes de crítica e desaprovação. O mesmo se passa no estabelecimento de relações íntimas, que se revela como uma tarefa muito penosa para quem sofre desta perturbação, apenas superadas quando existe uma garantia de aceitação incondicional.

FONTE:http://oficinadepsicologia.com/perturbacoes-de-personalidade/evitante

Guia com as 15 Técnicas para reduzir a ansiedade
Sou focada em achar o melhor conteúdo que já foi publicado na rede e trazer informações que são relevantes e agregam valor para você.
Casule Play

Perturbação de Personalidade Evitante

Se você quiser saber mais ou conversar com um dos nossos profissionais sobre Perturbação de Personalidade Evitante, você pode  agendar o seu horário clicando aqui. Ou você pode ver mais sobre Terapia Online, Acompanhamento semanal com nossa Nutricionista ou Como ter mais produtividade com o nosso Coach!
Redatora Casule, aqui no Blog.
Sou focada em achar o melhor conteúdo que já foi publicado na rede e trazer informações que são relevantes e agregam valor para você.

O que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários sua opinião sobre: Perturbação de Personalidade Evitante.

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

8 Dicas para melhorar a sua autoestima

8 Dicas para melhorar a sua autoestima

Tem dias que você acorda e não se sente satisfeito com o que é? Não consegue sentir orgulho do que faz e das suas conquistas? Tem dificuldade de enxergar seus pontos fortes e suas qualidades? Pois é, você pode estar com baixa autoestima e isso é muito comum de acontecer. Buscar meios para melhorar a autoestima é um grande passo. Seja através da leitura de um livro sobre o assunto, pesquisas, assistindo vídeos ou mesmo através da ajuda profissional.
5 sinais clássicos que você se cobra demais

5 sinais clássicos que você se cobra demais

Como lidar com a sensação incômoda de autocobrança excessiva? Como lidar com aquela voz que fica na nossa cabeça falando “você deveria ter feito isso”, “eu deveria dar conta… “você não podia ter feito aquilo”, “você podia ter feito diferente”, “porque eu sou assim?”, dentre outras tantas frases de cobrança que nós mesmos fazemos conosco.

6 dicas para lidar com a traição

A descoberta de uma traição é capaz de transformar qualquer relacionamento amoroso, seja namoro ou casamento. A vida do casal pode mudar para melhor ou piorar consideravelmente, mas, com certeza, nunca mais será a mesma.
Leia mais

3 estratégias para controlar seu dinheiro

Ser positivo é algo muito bom, porém quando falamos de dinheiro, devemos ser realistas e conhecer bem a nossa própria condição financeira. Por isso, ter inteligência emocional nas finanças se torna algo tão importante.
Leia mais

5 sinais clássicos que você se cobra demais

Como lidar com a sensação incômoda de autocobrança excessiva? Como lidar com aquela voz que fica na nossa cabeça falando “você deveria ter feito isso”, “eu deveria dar conta… “você não podia ter feito aquilo”, “você podia ter feito diferente”, “porque eu sou assim?”, dentre outras tantas frases de cobrança que nós mesmos fazemos conosco.
Leia mais

Geração Tik Tok: 3 vícios do momento

Uma tela de celular, um vídeo vertical e um minuto da sua vida. Esses três elementos são a essência do Tik Tok, a rede social de vídeos curtos que está viciando os jovens e já mudou os hábitos de consumo de vídeos de milhares de usuários. Você abre às 19h, e quando olha para o relógio novamente, já se passou uma hora.
Leia mais
Tenha o total controle das suas emoções conte com a Casule para o seu bem-estar.
Share This