Namoro livre da dependência emocional

Atualizado em 26/08/2019
Por Mariana Fonseca

Namoro livre da dependência emocional

Atualizado em 26/08/2019
Por Mariana Fonseca
Junte-se a milhares de pessoas

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

Namoro livre da dependência emocional

O relacionamento afetivo é uma experiência quase que inerente à espécie humana. Desde o nascimento, ou até mesmo antes dele, começamos a desenvolver laços afetivos com as pessoas que nos cercam, trazendo à tona a necessidade de acolhimento e aconchego com alguém que nos complete, o que fica muito evidenciado na relação que se estabelece entre mãe e filho já nos primeiros dias de vida deste.

Mais tarde, à medida em que se ampliam os relacionamentos interpessoais, os afetos vão se estendendo àquelas pessoas que não pertenciam ao círculo familiar e chega a idade em que o namoro se torna uma das principais fontes de afeto e, portanto, tem importância fundamental na vida do indivíduo.

A maneira como o namoro é conduzido faz toda a diferença para a construção de um relacionamento saudável. Ter a companhia da pessoa amada deve ser algo positivo, leve e que traga a sensação de bem-estar. Se isso não acontece é sinal de que alguma coisa não está indo bem. Neste momento, questionamentos tais como o lugar que o namoro ocupa na minha vida e a importância que tenho dado a ele, se mostram importantes para avaliar o relacionamento.

terapia-online-casule-banner

A partir do momento em que se assume um compromisso com outra pessoa é bom que ele seja tomado como algo importante, no entanto, sempre considerando as devidas proporções e tomando cuidado com os excessos que, invariavelmente, trazem sofrimento para o casal. A grande expectativa depositada no outro, a necessidade de estar o tempo todo em contato e a restrição dos relacionamentos interpessoais e familiares podem ser sinais de uma dependência afetiva, um tipo de apego excessivo à outra pessoa.

A dependência surge da necessidade de ser amado e, quando ela aparece, em muitos casos o amor se dissolve e as consequências são negativas para os dois, tanto ao longo do relacionamento, como no final dele, pois o término vai ser mais difícil de ser aceito e elaborado por aquela pessoa que se sente dependente da outra. 

Para que o namoro seja um relacionamento agradável e saudável para ambas as partes, é importante estar atento à maneira como nos relacionamos com a outra pessoa. Se percebo que estes comportamentos estão acontecendo, é sinal de que preciso provocar em mim algumas mudanças. Quando a mudança é difícil, não hesite em buscar a ajuda de um terapeuta, ele poderá auxiliá-lo nesse processo.

Guia com as 15 Técnicas para reduzir a ansiedade

Namoro livre da dependência emocional

Se você quiser saber mais ou conversar com um dos nossos profissionais sobre Namoro livre da dependência emocional, você pode  agendar o seu horário clicando aqui. Ou você pode ver mais sobre Terapia Online, Acompanhamento semanal com nossa Nutricionista ou Como ter mais produtividade com o nosso Coach!

O que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários sua opinião sobre: Namoro livre da dependência emocional.

0 comentários

5 sinais clássicos que você se cobra demais

5 sinais clássicos que você se cobra demais

Como lidar com a sensação incômoda de autocobrança excessiva? Como lidar com aquela voz que fica na nossa cabeça falando “você deveria ter feito isso”, “eu deveria dar conta… “você não podia ter feito aquilo”, “você podia ter feito diferente”, “porque eu sou assim?”, dentre outras tantas frases de cobrança que nós mesmos fazemos conosco.

3 estratégias para controlar seu dinheiro

Ser positivo é algo muito bom, porém quando falamos de dinheiro, devemos ser realistas e conhecer bem a nossa própria condição financeira. Por isso, ter inteligência emocional nas finanças se torna algo tão importante.
Leia mais

5 sinais clássicos que você se cobra demais

Como lidar com a sensação incômoda de autocobrança excessiva? Como lidar com aquela voz que fica na nossa cabeça falando “você deveria ter feito isso”, “eu deveria dar conta… “você não podia ter feito aquilo”, “você podia ter feito diferente”, “porque eu sou assim?”, dentre outras tantas frases de cobrança que nós mesmos fazemos conosco.
Leia mais

Geração Tik Tok: 3 vícios do momento

Uma tela de celular, um vídeo vertical e um minuto da sua vida. Esses três elementos são a essência do Tik Tok, a rede social de vídeos curtos que está viciando os jovens e já mudou os hábitos de consumo de vídeos de milhares de usuários. Você abre às 19h, e quando olha para o relógio novamente, já se passou uma hora.
Leia mais
Tenha o total controle das suas emoções conte com a Casule para o seu bem-estar.
Share This