Dicotomia e a polarização de ideias

Atualizado em 15/05/2019
Por Redatora Casule

Dicotomia e a polarização de ideias

Atualizado em 15/05/2019
Por Redatora Casule
Junte-se a milhares de pessoas

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

Dicotomia e a polarização de ideias

Algumas pessoas se definem como sendo 8 ou 80, afirmando que não aceitam “meio termo” para as coisas. Quais são as consequências desse modo de ver o mundo?

Os pensamentos são sinalizadores de nossas percepções, seja sobre nós mesmos, sobre o mundo ou até mesmo sobre o futuro. Eles refletem regras e crenças que construímos ao longo de nossas vidas, de acordo com experiências, valores, aprendizagens, etc. Todo esse esquema de crenças influencia nossa interação com o meio, mediando e interpretando os eventos, o que chamamos de filtros mentais. 

A influência que as nossas percepções e regras prévias exercem sobre nossos padrões emocionais e comportamentais é fundamental para entendermos as formas com que reagimos e lidamos com situações. A dicotomia é uma forma de polarizar os pensamentos entre “tudo” ou “nada”, refletindo uma limitação na flexibilidade que a pessoa apresenta ao ler o contexto. 

terapia-online-casule-banner

A pessoa dicotômica oscila entre a situação ideal e a situação indesejada, não considerando avanços entre elas. Como exemplo, podemos citar o pensamento “ou eu sigo 100% da dieta, ou desisto e volto a comer de tudo”, ou ainda percepções como “se eu não fechar as provas, melhor trancar a faculdade”. Esse modo de pensar reflete a intolerância a falhas e pequenas imperfeições, levando a pessoa do 8 para o 80. 

A maior consequência de tal padrão de pensamento é a instabilidade de decisões, comprometendo o engajamento em tarefas de persistência, e podendo alterar significativamente o humor. Cognitivamente falando, é um modelo de pensamento que pode desconsiderar ganhos, minimizar qualidades e levar a conclusões precipitadas, uma vez que não assume os níveis existentes entre os extremos. Além disso, a dicotomia pode levar a maiores índices de ansiedade frente a essas situações, já que a flexibilidade, limitada nesses casos, aumenta a capacidade de adaptação a novos contextos e resolução de problemas.

Sendo assim, é fundamental um trabalho de flexibilização, com aumento da tolerância a erros e maior equilíbrio nas tomadas de decisões, na busca por padrões cognitivos adaptados e coerentes com as demandas do contexto. Dessa forma, a pessoa aumenta sua capacidade de análise, de adequação e equilíbrio. 

Guia com as 15 Técnicas para reduzir a ansiedade
Sou focada em achar o melhor conteúdo que já foi publicado na rede e trazer informações que são relevantes e agregam valor para você.
Casule Play

Dicotomia e a polarização de ideias

Se você quiser saber mais ou conversar com um dos nossos profissionais sobre Dicotomia e a polarização de ideias, você pode  agendar o seu horário clicando aqui. Ou você pode ver mais sobre Terapia Online, Acompanhamento semanal com nossa Nutricionista ou Como ter mais produtividade com o nosso Coach!
Redatora Casule, aqui no Blog.
Sou focada em achar o melhor conteúdo que já foi publicado na rede e trazer informações que são relevantes e agregam valor para você.

O que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários sua opinião sobre: Dicotomia e a polarização de ideias.

0 comentários

Quando a rede social deixa de ser um prazer e impacta sua saúde emocional

Atualmente, as redes sociais são uma grande forma de interação social, nos conectando a amigos, familiares e pessoas do mundo todo. Auxiliam também na compra e venda de produtos, e contribuem para a disseminação de informações. Mas, mesmo com todas essas vantagens, as redes sociais também podem ser um ambiente bem tóxico.
Leia mais

AVALIAÇÃO PARA CIRURGIA BARIÁTRICA: entenda porque não pode ser realizada em uma única sessão

A avaliação para cirurgia bariátrica é um processo que consiste na utilização de diversas ferramentas para avaliar o paciente e possibilitar a elaboração do laudo. E como todo processo, não é viável ser realizado em uma única sessão, pois uma série de requisitos precisa ser cumprida para zelar pelo cuidado e segurança do paciente, além da fidedignidade do resultado.
Leia mais

Você já parou para pensar no seu propósito de vida?

A autocobrança excessiva é entendida como uma super exigência que fazemos para nos disciplinar a alcançar um determinado objetivo. Porém, como o próprio nome já diz, a autocobrança é uma pressão interna, uma “voz” interna que é extremamente exigente com você e que não minimiza a cobrança apesar de qualquer situação.
Leia mais

5 sinais clássicos que você se cobra demais

A autocobrança excessiva é entendida como uma super exigência que fazemos para nos disciplinar a alcançar um determinado objetivo. Porém, como o próprio nome já diz, a autocobrança é uma pressão interna, uma “voz” interna que é extremamente exigente com você e que não minimiza a cobrança apesar de qualquer situação.
Leia mais
Tenha o total controle das suas emoções conte com a Casule para o seu bem-estar.
Share This