Depressão x tristeza: sinais e sintomas são a principal diferença

Atualizado em 20/05/2022
Por Roselene Oliveira

Depressão x tristeza: sinais e sintomas são a principal diferença

Atualizado em 20/05/2022
Por Roselene Oliveira
Junte-se a milhares de pessoas

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

Depressão x tristeza: sinais e sintomas são a principal diferença

Ser dispensado de um emprego ou perder um ente querido. Esses motivos podem deixar qualquer um triste. Mas como saber se a tristeza é, na verdade, um caso de depressão? Conhecer as diferenças ajuda a entender o que você está sentindo e saber quando procurar a ajuda de um especialista.

A depressão é um distúrbio afetivo que acompanha a humanidade ao longo de sua história. No sentido patológico, há presença de tristeza, pessimismo, baixa autoestima, que aparecem com frequência e podem combinar-se entre si. É imprescindível o acompanhamento médico e psicológico tanto para o diagnóstico quanto para o tratamento adequado.

Entretanto, existe uma grande diferença entra tristeza e depressão:  A tristeza é um estado emocional normativo, uma resposta a uma situação desagradável. Geralmente dura algumas horas ou dias e não interfere de forma clinicamente significativa na vida da pessoa. Todos nós já experienciamos tristeza em algum momento da nossa vida e é esperado que assim o seja.

depressão, por outro lado, é uma doença, e implica que os sintomas sejam constantes por várias semanas e influenciem o funcionamento adaptativo do sujeito. A depressão afeta os nossos pensamentos, sentimentos, comportamentos e percepções. Esta patologia extrai a vontade de viver, é sentida de forma recorrente e requer tratamento. Quanto mais cedo a intervenção for iniciada, melhor serão os resultados.

Além das consequências emocionais, há uma série de evidências que mostram alterações químicas no cérebro do indivíduo deprimido, principalmente com relação aos neurotransmissores (serotonina, noradrenalina e, em menor proporção, dopamina) 

SINAIS E SINTOMAS SÃO A PRINCIPAL DIFERENÇA ENTRE DEPRESSÃO E TRISTEZA
Enquanto tristeza dura algumas horas ou até alguns dias, o mesmo não acontece com a depressão, que pode causar vários sinais e sintomas. Conheça os principais:

Falta de energia e cansaço constante
A falta de energia e o cansaço constante, que impedem a realização de atividades diárias, como higiene pessoal, se alimentar, ir à escola ou trabalho, podem indicar depressão. Além disso, a falta de motivação por não querer fazer nenhuma atividade é um sinal que a depressão está evoluindo.

Irritabilidade
Devido à tristeza profunda é comum manifestar irritabilidade, ataques de raiva, causando sintomas como tremores, vontade incontrolável de gritar e até suor em excesso. Além disso, podem estar associados alguns sintomas de ansiedade e angústia.

Problemas de sono
É comum que em casos de depressão a pessoa apresente insônia terminal, neste tipo não existe problema para adormecer. No entanto, a pessoa acorda de madrugada, por volta das 3 ou 4 da manhã e não consegue voltar a dormir pelo menos até as 10 da manhã novamente, e após isso, acorda muito cansada.

Perda de apetite 
A falta de apetite e alteração do peso durante a depressão são resultados de todos os outros sintomas juntos. A pessoa não tem energia para se levantar, sente dores, está irritada e com sono. As refeições são feitas, geralmente, um vez ao dia e pela insistência de familiares, agrando a perda de peso. 

Pensamento de morte e suicídio 
O conjunto de todos os sintomas da depressão pode fazer com que a pessoa tenha pensamentos de morte e suicídio. Isso porque os sentimentos experimentados nessa doença passam a sensação de que não vale a pena estar vivo, considerando essa uma solução para escapar da situação em que se encontra.

A depressão pode surgir sem motivo aparente, como ser a consequência de um evento importante, como:
Divórcio – durante a pandemia, ouve um aumento nos índices de divórcios no País, devido à convivência mais intensa do casal e à longa fase de confinamento.

Além disso, o nível de  estresse, medo, insegurança e incerteza, tanto referente à saúde como às questões financeiras e sociais, também aumentaram, afetando o relacionamento a dois.
Perda de emprego – Pode ser uma das situações  mais dolorosas e traumáticas que você enfrentará. Isso afeta todos os aspectos de sua vida, desde as  relações interpessoais até mudanças no sono. Os sentimentos de ira, inadequação, medo, vergonha, fracasso, isolamento e constrangimento tendem a se aflorar.

Morte – De uma pessoa próxima. 
Esses acontecimentos são os chamados gatilhos: eles desencadeiam sentimentos de tristeza e, em certos casos, depressão.

Além dos problemas psicológicos, a depressão pode desenvolver problemas físicos – as doenças psicossomáticas. Quando o sofrimento psicológico, de alguma forma, acaba causando ou agravando uma doença física.

Portanto, se a depressão não for tratada podem aparecer sintomas como: 

Gripes e resfriados constantes – nesses casos, a imunidade está frequentemente baixa o que favorece a instalação de doenças. Portanto, é preciso cuidar melhor das emoções.

Herpes – o vírus é transmitido por meio do contato com um indivíduo infectado. Esse patógeno pode permanecer inerte por muito tempo, até que a defesa do organismo fique suficientemente reduzida.

Enxaquecas – associada a questões de desordem emocional, as dores são incontroláveis, que não cedem com nenhum medicamento e que perduram por dias e noites. A enxaqueca emocional provoca dores em regiões específicas da cabeça e, geralmente, são associadas a vômito, irritabilidade e falta de concentração.

Alergias diversas – há um tipo de alergia causada especificamente por questões associadas ao estresse e ao nervosismo. Então, além das alergias normais como a intolerância a certos alimentos, aos odores, medicamentos, materiais de limpeza e outros, a pessoa desenvolve também a alergia nervosa.

Diarreia – quando passamos por fortes situações de angústia, medo ou estresse. 
A boa notícia e que a depressão tem tratamento e cura! 

Psicoterapia – em casos de depressão, a terapia pode ser um tratamento eficaz para a doença. 
Medicação – todo paciente com depressão deve consultar um psiquiatra. Ele indicará se há ou não necessidade de medicação para o tratamento da doença.
Tratamentos naturais – não substituem o tratamento médico e a necessidade de psicoterapia e medicação, mas podem contribuir e ajudar a trazer resultados positivos com o tempo.
Além disso:
Prática regular de exercícios
Boa alimentação 
Yoga 
Acupuntura 
Meditação 

Se você estiver passando por um momento difícil, não exite em procurar ajuda!

Terapia Casule

A Casule é uma clínica que pensa na sua saúde e no seu bem-estar que atende de forma presencial e online. Isso faz que possamos cuidar de pessoas em qualquer parte do Brasil e do Mundo!

Venha nos conhecer! Marque uma conversa com nossos terapeutas clicando aqui!

terapia-online-casule-banner

Curtiu o texto? Fica a vontade para relaxar com a gente, conheça nossos áudios de relaxamento, é GRÁTIS!

Compartilhe também a Casule em suas redes sociais, InstagramFacebook e Youtube.

Guia com as 15 Técnicas para reduzir a ansiedade
Graduada e licenciada em psicologia e pós-graduanda em Terapia Cognitiva- Comportamental (TCC). Atendo criança, adolescente, adulto e idosos. Acredito na transformação das pessoas e sei que posso ajudar neste processo, deixando essa caminhada leve e feliz.
Casule Play

Depressão x tristeza: sinais e sintomas são a principal diferença

Se você quiser saber mais ou conversar com um dos nossos profissionais sobre Depressão x tristeza: sinais e sintomas são a principal diferença, você pode  agendar o seu horário clicando aqui. Ou você pode ver mais sobre Terapia Online, Acompanhamento semanal com nossa Nutricionista ou Como ter mais produtividade com o nosso Coach!
Roselene Oliveira, aqui no Blog.
Graduada e licenciada em psicologia e pós-graduanda em Terapia Cognitiva- Comportamental (TCC). Atendo criança, adolescente, adulto e idosos. Acredito na transformação das pessoas e sei que posso ajudar neste processo, deixando essa caminhada leve e feliz.

O que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários sua opinião sobre: Depressão x tristeza: sinais e sintomas são a principal diferença.

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Quando a rede social deixa de ser um prazer e impacta sua saúde emocional

Atualmente, as redes sociais são uma grande forma de interação social, nos conectando a amigos, familiares e pessoas do mundo todo. Auxiliam também na compra e venda de produtos, e contribuem para a disseminação de informações. Mas, mesmo com todas essas vantagens, as redes sociais também podem ser um ambiente bem tóxico.
Leia mais

AVALIAÇÃO PARA CIRURGIA BARIÁTRICA: entenda porque não pode ser realizada em uma única sessão

A avaliação para cirurgia bariátrica é um processo que consiste na utilização de diversas ferramentas para avaliar o paciente e possibilitar a elaboração do laudo. E como todo processo, não é viável ser realizado em uma única sessão, pois uma série de requisitos precisa ser cumprida para zelar pelo cuidado e segurança do paciente, além da fidedignidade do resultado.
Leia mais

Você já parou para pensar no seu propósito de vida?

A autocobrança excessiva é entendida como uma super exigência que fazemos para nos disciplinar a alcançar um determinado objetivo. Porém, como o próprio nome já diz, a autocobrança é uma pressão interna, uma “voz” interna que é extremamente exigente com você e que não minimiza a cobrança apesar de qualquer situação.
Leia mais

5 sinais clássicos que você se cobra demais

A autocobrança excessiva é entendida como uma super exigência que fazemos para nos disciplinar a alcançar um determinado objetivo. Porém, como o próprio nome já diz, a autocobrança é uma pressão interna, uma “voz” interna que é extremamente exigente com você e que não minimiza a cobrança apesar de qualquer situação.
Leia mais
Tenha o total controle das suas emoções conte com a Casule para o seu bem-estar.
Share This