vegetarianismo

Vegetarianismo

Atualizado em 23/09/2019
Por Isa Polastri

Vegetarianismo

Atualizado em 23/09/2019
Por Isa Polastri
Junte-se a milhares de pessoas

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

Vegetarianismo

O vegetarianismo é o regime alimentar que exclui todos os tipos de carnes, podendo ser classificado da seguinte maneira: ovolactovegetariano é o índivíduo que consome ovos e laticínios em sua alimentação. Lactovegetariano, consome laticínios em sua rotina alimentar. Ovovegetariano é aquele que ingere ovos em sua alimentação e vegetariano estrito é o indivíduo que não utiliza nenhum produto derivado de animal em sua alimentação. 

Já o veganismo, segundo definição da Vegan Society, é um modo de viver (ou poderíamos chamar apenas de “escolha”) que busca excluir, na medida do possível e praticável, todas as formas de exploração e crueldade contra os animais – seja na alimentação, no vestuário ou em outras esferas do consumo. Portanto, no âmbito da alimentação, veganismo e vegetarianismo estrito são sinônimos.

Muitos são os motivos que levam as pessoas a se tornarem vegetarianas:

terapia-online-casule-bannerPowered by Rock Convert
  1. A ética, já que são abatidos mais de 10 mil animais terrestres por minuto no Brasil para produzir carnes, leite e ovos. A maioria destes animais são frangos, porcos e bois – animais que têm uma complexa capacidade cognitiva e sentem dor, sofrimento e alegria da mesma forma que os cães que temos em casa. Os animais são sencientes (capazes de sofrer e sentir prazer e felicidade), por isso a escolha vegetariana é uma escolha de não compactuar com a exploração, confinamento e abate destes animais;
  2. O meio ambiente, já que, segundo a ONU, o setor pecuário é o maior responsável pela erosão de solos e contaminação de mananciais aqüíferos do mundo. A ONU também estimou que cerca de 14,5% das emissões de gases do efeito estufa oriundas de atividades humanas têm origem no setor pecuário. A maior parte do desmatamento da Amazônia tem sua origem na produção de carnes, laticínios e ovos. 97% do farelo de soja e 60% do milho produzidos globalmente são utilizados não para consumo humano, mas para virar ração para as fazendas e granjas industriais, produzindo alimentos a uma eficiência muito baixa;
  3. A sociedade, pois a produção de alimentos através da atividade pecuária não é apenas ambientalmente degradante, mas também contribui significativamente para o desperdício global de alimentos, uma vez que são consumidos de 2 a 10 Kg de proteína vegetal (por exemplo, soja) para produzir apenas 1 Kg de proteína de origem animal. Em um mundo com 1 bilhão de pessoas que passam fome, jogar toda essa comida no lixo é socialmente inaceitável. Ademais, o setor pecuário concentra a maior parte da mão-de-obra escrava rural brasileira;
  4. A saúde: de acordo com a Associação Dietética Americana) o vegetarianismo reduz mortes por infarto (doença cardíaca isquêmica) em 31% em homens vegetarianos e em 20% em mulheres vegetarianas (estudo com 76 mil indivíduos); os níveis sangüíneos de colesterol são 14% mais baixos em ovo-lacto-vegetarianos do que nos comedores de carne, os níveis sangüíneos de colesterol são 35% mais baixos em veganos do que nos comedores de carne, a pressão arterial é menor nos vegetarianos (redução de 5 a 10 mmHg) , há redução de até 50% do risco de apresentar diverticulite e diabetes nos vegetarianos, a probabilidade de apresentar pedras na vesícula é duas vezes menor nas mulheres vegetarianas (estudo com 800 mulheres entre 40 e 69 anos), os não vegetarianos têm um risco 54% maior de ter câncer de próstata, os não vegetarianos têm um risco 88 % maior de ter câncer de intestino grosso (cólon e reto), há redução na incidência de obesidade nos vegetarianos, um problema mundialmente preocupante. Aparentemente, o consumo de carne aumenta em até 3 vezes as chances de desenvolver demência cerebral, e, uma dieta vegetariana sem derivados animais e com predominância de alimentos crus reduz os sintomas de fibromialgia.

Com todos estes resultados animadores sobre a saúde fica difícil para alguém que estuda o assunto não se interessar pelo vegetarianismo. Um fato muito importante é que apesar de essas descobertas serem muito interessantes, grande parte das pessoas seria vegetariana mesmo se o vegetarianismo fosse nocivo (ainda bem que não é!!), pois a questão ética prevalece em grande parte dos indivíduos.Trabalhar a adequação da dieta é fundamental para preservarmos a integridade física das pessoas que seguem a dieta vegetariana. 

Uma pessoa com deficiência nutricional se torna debilitada, além de ser uma propaganda negativa para a causa. A saúde adquirida com a dieta vegetariana (ou com qualquer dieta) é dependente das escolhas dietéticas. Por isso, pratique atividade física regularmente, alimente-se com variedade e dê ênfase ao consumo de alimentos ricos em ferro, cálcio, zinco e ômega-3. Não fuja do sol. Você precisa de vitamina D, que é sintetizada pelo seu organismo através da exposição da pele ao sol. Não se esqueça da vitamina B12, o ponto mais importante do vegetarianismo. Exames de sangue regulares devem fazer parte da rotina de qualquer pessoa (vegetariana ou não).

Ser vegetariano é mais fácil do que parece. Se você nunca considerou esta possibilidade e não consegue pensar em aderir, comece com a Segunda Sem Carne, um movimento mundial que sugere retirar a carne do prato toda segunda feira. 

Mas tenha certeza de que não é tão difícil quanto parece, é surpreendentemente delicioso, aumenta (em vez de diminuir) o seu repertório de pratos, culinárias e alimentos e, mais importante ainda, é o melhor que você pode fazer pela sua saúde, pelos animais, pelas pessoas e pelo meio ambiente.

banner-paisagem-ebook-manejo-da-ansiedade-v1.1-curtoPowered by Rock Convert
Casule Play

Vegetarianismo

Se você quiser saber mais ou conversar com um dos nossos profissionais sobre Vegetarianismo, você pode  agendar o seu horário clicando aqui.


Ou você pode ver mais sobre Terapia Online, Acompanhamento semanal com nossa Nutricionista ou Como ter mais produtividade com o nosso Coach!
Isa Polastri, aqui no Blog.
Nutricionista, com a missão de transformar vidas, acredita que a alimentação adequada é simples, flexível e está ao alcance de todos. Seus valores são o amor, o ouvir e a satisfação plena do cliente. Conheça o meu Instagram. | Clique para marcar uma consulta comigo

O que você achou deste conteúdo?
Conte nos comentários sua opinião sobre: Vegetarianismo.


0 comentários

dicas para diminuir a procrastinação
Dicas para diminuir a Procrastinação e organizar melhor sua Rotina

Dicas para diminuir a Procrastinação e organizar melhor sua Rotina

A Procrastinação é uma Distorção Cognitiva – pensamentos automáticos disfuncionais que distorcem a realidade para que esta se torne condizente com nossas crenças e interpretações anteriores. Mascarada pelo pensamento de ”depois eu faço”, a pessoa tende a adiar tarefas e acumular várias atividades. Geralmente isso acontece por insegurança e promove muita culpa e sintomas de Ansiedade.
quero-emagrecer-por-onde-começo
Quero emagrecer, por onde começo?

Quero emagrecer, por onde começo?

Chás emagrecedores, dietas milagrosas, produtos caríssimos: quem de nós nunca recorreu a estes artifícios para emagrecer? No vídeo de hoje a nutricionista Isa Polastri traz três dicas de como iniciar e se manter nesse processo de maneira efetiva, com passos simples, leves e seguros.
treine sua assertividade
Treine sua assertividade

Treine sua assertividade

Muito se fala sobre os tipos de comportamentos e a importância dos modelos de comunicação, sejam eles passivo, assertivo ou agressivo, mas você já parou para pensar como você costuma se posicionar?

Você sabe o que é consciência emocional?

Estamos o tempo todo prestando atenção nos sinais que o nosso corpo manda. É febre, dor de cabeça, prisão de ventre... A consciência emocional é quando agimos assim com as nossas emoções. É prestar atenção no que estamos sentindo, reconhecendo e dando nome às emoções que se manifestam com mais intensidade quando passamos por determinadas situações.
Leia mais
Você-sabe-o-que-é-consciência-emocional

Autoestima

Tenho recebido mensagens de pessoas dizendo que em meio a quarentena estão com a autoestima baixa, que por estarem em casa não estão se arrumando, e por isso, eu quero compartilhar com vocês uma história da minha filha...
Leia mais
Autoestima

Como identificar que seu filho precisa de psicoterapia?

A infância é uma fase marcada por transformações e crescimentos, tanto no âmbito físico quanto no emocional. É uma fase do desenvolvimento e maturação neurocognitiva de grande importância. A família precisa estar atenta as respostas comportamentais e emocionais. Os motivos para buscar a Psicoterapia na infância são diversos. A psicoterapia infantil é um caminho para ajudar a criança a lidar com essas questões. Estimular para que aprendam a lidar de forma funcional com o conjunto de emoções, pensamentos e comportamentos desencadeados nas mais diversas situações.
Leia mais
Como-identificar-que-seu-filho-precisa-de-psicoterapia

Alimentação pode minimizar os sintomas da menopausa

A menopausa é uma fase da vida das mulheres que pode trazer sintomas como ondas de calor, irritabilidade, ganho de peso, depressão, entre outros. A alimentação se torna importante no manejo destes sintomas e pode promover um bem-estar geral para as mulheres.
Leia mais
alimentação-pode-minimizar-os-sintomas-da-menopausa

Como lidar com a necessidade de controle?

A necessidade de controle é um mecanismo de enfrentamento utilizado por muitas pessoas que, normalmente,são perfeccionistas, inflexíveis, rígidas. O objetivo principal desse mecanismo é obter segurança e não se sentir vulnerável com os imprevistos.
Leia mais

Como resolver sua autoestima?

Nesse vídeo vou te fornecer um instrumento que vai te ajudar a solucionar seus problemas com a sua autoestima. Tá achando que é milagre? Não! O resultado vai depender das suas atitudes, porém será satisfatório.
Leia mais
Como-resolver-sua-autoestima

Como se posicionar?

Sabe aquela pessoa que sempre se comporta de forma rígida e agressiva? Você tem dificuldade em se posicionar quando isso acontece e acaba se sentindo constrangido ou com algum receio ou trava quando alguém te trata dessa forma? Se você quer aprender a se posicionar, esse vídeo é para você!
Leia mais

Ansiedade

O medo é um sentimento inato que nasce conosco. Já a ansiedade é um sentimento secundário oriundo do medo. Ela é um sentimento que todos nós temos, não há ninguém que tenha uma ansiedade zero. Assim sendo, a ansiedade basal de todos os seres humanos estão sempre maior que zero.
Leia mais

Como reduzir a celulite

A celulite é um processo de desestruturação em que a pele perde seu aspecto firme. Atualmente afeta cerca de 98% das mulheres de todo o mundo. Será que a alimentação pode contribuir na diminuição da celulite? A resposta é SIM e pode ser mais fácil do que você imagina! Assista ao vídeo completo e saiba como.
Leia mais
Como reduzir a celulite

Dicas para melhorar a sua Autoestima

Autoestima é uma auto avaliação positiva ou negativa, envolvendo o sentimento acerca de si próprio (como eu me sinto) e o autojulgamento a partir do que a sociedade impõe (como ''devo'' me sentir).
Leia mais
Dicas para melhorar a sua Autoestima
Tenha o total controle das suas emoções conte com a Casule para o seu bem-estar.
Share This