Apego a bens materiais sinaliza autoestima em baixa
20 de abril de 2017
Bullying - Quando brincadeiras e implicâncias viram agressão
Bullying – Quando brincadeiras e implicâncias viram agressão?
4 de maio de 2017

Sociedade contemporânea: um convite ao estresse

Convivemos diariamente com inúmeros fatores estressantes. Se olharmos para fora podemos observar que o crescimento das cidades e a falta de planejamento adequado diminuem a qualidade de vida das pessoas, seja pelas longas distâncias, alto custo de vida, trânsito desordenado ou o acúmulo de lixo, péssimos atendimentos e assistência pessoal.

No ritmo intenso de trabalho, a alimentação também é afetada pela vida corrida e a situação ainda piora quando há preocupação com o futuro, aumento nos números de desemprego, medo do envelhecimento em más condições, pouco lazer e a falta de apoio familiar.
Essas condições originam a sensação de estresse e o consequente desencadeamento de doença, da simples azia à queda imunológica. Somam-se a isso os fatores internos, como excesso de cobrança, insegurança pessoal, falta de sentimento de apoio, expectativas elevadas na carreira e nos relacionamentos.

Observe se seu corpo está dando sinais de cansaço e cobrança, como dor de cabeça, insônia, dor de estomago, irritabilidade, ganho de peso, dificuldade de concentração, perda da libido.
Fale de seus sentimentos, busque apoio nas outras pessoas. Compartilhar experiências é uma maneira eficaz de encontrar resposta para nossos dilemas e soluções para nossos problemas. Não se cobre excessivamente, aceitar as mudanças que lhe ocorreram, perdoar mágoas e ressentimentos. Toda essa carga extra pode ser retirada com o auxílio da psicoterapia. Muitas vezes você poderá sentir desânimo, falta de força e de estímulo para cumprir seus próprios objetivos pessoais.

Algumas atitudes no dia a dia também podem trazer alívio: Faça as atividades com calma, acorde mais cedo. Exercícios diminuem a tensão e melhoram a circulação e o sono. Respire bem, acalma os pensamentos, desacelera o coração e faz com que a ansiedade diminua. Mantenha hobbies, amizades descontraídas longe das preocupações, aumentando os momentos de relaxamento e prazer. Nos afastando dos problemas, conseguimos vê-los por outra ótica e encontramos novas soluções. Rezar e participar de grupos de oração é excelente suporte e ajuda, por que nos remete o sentido de proteção que necessitamos e nos conecta a uma força superior.

Alimente-se bem, seja generoso com seu organismo. Procure por lazer, veja programas leves e divertidos. Analise seus problemas quando estiver distante da emoção que lhe trazem e possa avalia-los com uma atitude mais racional, analisando de forma concreta e lógica a melhor forma de resolver
Nos darmos a liberdade de termos um tempo para refletir sobre cada um de nós. Reformular a vida se necessário, sem idealizar soluções, reduziremos nossa mente geradora de estresse.

Respeitar-se é palavra de ordem, temos limites. Ninguém é tão forte a ponto de aguentar tudo e nem tão fraco a ponto de não dar conta de nada. Se a sua situação está além do seu limite, reconheça e peça ajuda.

FONTE:http://www.diariodaregiao.com.br/blogs/nodiva/sociedade-contempor%C3%A2nea-um-convite-ao-estresse-1.456641

CONTEښDO VIP
Coloque o seu email abaixo para receber gratuitamente as atualizações do blog!
 
Enviar
100% livre de SPAM.

Comentários

comentários

Redatora Casule
Redatora Casule
Sou focada em achar o melhor conteúdo que já foi publicado na rede e trazer informações que são relevantes e agregam valor para você.

Os comentários estão encerrados.

Marcar Consulta
CONTEښDO VIP
Coloque o seu email abaixo para receber gratuitamente as atualizações do blog!
 
Enviar
100% livre de SPAM.
Fechar
 E aí? Vamos conversar?

  • Este campo é para fins de validação e não deve ser alterado.
close-link

Agende a sua Sessão aqui!
Primeira sessão R$ 100,00 (Psicologia, Fonoaudiologia e Nutrição)

PRÓXIMO PASSO →
fechar
Agendar Sessão