O que é depressão?

Depressão e seus sintomas

Atualizado em 11/02/2016
Por Redatora Casule

Depressão e seus sintomas

Atualizado em 11/02/2016
Por Redatora Casule
Junte-se a milhares de pessoas

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

Depressão e seus sintomas

Uma característica peculiar da depressão é a “Conservação da disforia”, e se refere à tendência do depressivo em manter a sensação má. É uma dificuldade em livrar do marasmo, da sensação de tédio e de falta de animo. As mesmas coisas que em outros tempos deixava a pessoa empolgada, como por exemplo, viajar, comer num restaurante, podem perder a graça. A pessoa pode  perder o interesse, a vivacidade e se alguém a forçar a fazer alguma dessas coisas, ele até vai, vai meio que arrastada, no final até gosta, até percebe que valeu a pena, mas não foi o suficiente para deixá-la animada a fazer de novo.

Sintomas da depressão

Alguns sintomas podem ser:

  • Alterações do apetite e do sono
  • Sentimento de pesar ou fracasso
  • Dificuldade de tomar decisões
  • Irritabilidade ou impaciência
  • Achar que não vale a pena viver
  • Chorar à-toa
  • Dificuldade de concentração
  • Perda de energia e interesse
  • Sensação de que nunca vai melhorar
  • Dificuldade de terminar as tarefas
  • Sentimento de pena de si mesmo
  • Pensamentos negativos e de culpa injustificáveis
  • Perda do desejo sexual
  • Etc

Pensamentos da pessoa depressiva

Nos quadros típicos de depressão, algumas vezes mesmo sem ter grandes problemas concretos na vida a pessoa sente os pequenos problemas de uma forma mais intensa, e pode sofrer tanto como se fossem eventos significativos.

Medicação x Depressão

Existe uma via de mão dupla quando ingerimos antidepressivos. Tomando o medicamento antidepressivo pode haver mudanças nos sentimentos, ela pode mudar sua visão negativa e passar a ter um olhar mais ameno sobre a vida. O interessante é que por conta da psicoterapia os pensamentos também podem ser alterados, e com isso a química do seu cérebro também muda. Ou seja, mudar os pensamentos pode possibilitar a mudança na química interna.

Memória da pessoa depressiva

A memória da pessoa depressiva pode ser afetada, pode tender a lembrar com mais intensidade dos eventos negativas, dos problemas não resolvidos.

Porque é tão comum encontrarmos pessoas depressivas hoje em dia

Eu não vejo a depressão como um mal dos tempos modernos, acredito que depressão sempre existiu, mas não existia conhecimento suficiente. Até a uma geração antes da minha, eu tenho 47 anos, pouco  se falava sobre depressão pós-parto, diziam que a mulher estava “cansada”.

O respeito pelo sofrimento mental é algo bem recente, mas ainda há muito por onde caminhar.

Porque o ser humano sofre de depressão

A explicação vem da evolução. O homem primitivo sobreviveu porque aprendeu a observar com muita atenção os perigos. Ele acordava de madrugada para verificar se estava tudo ok, se ao caminhar na mata ouvia um barulho diferente, parava e prestava atenção para ver se não seria algum predador. Ele tinha razão de ser assim, pois o desastre estava ao lado. Nossos ancestrais precisaram dessa visão pessimista para sobreviver, como por exemplo para criar a agricultura, pois percebeu que contar apenas com o que encontrava nem sempre dava certo, precisava se proteger da fome e da morte. O homem primitivo desenvolveu uma visão muito pessimista da vida, porque era necessário.

Ansiedade x Depressão

Alguns critérios são importantes para entendermos a ansiedade:

  • A ansiedade está paralisando a pessoa?
  • É proporcional ao perigo?
  • Qual a intensidade?
  • É baseada na realidade?

Por exemplo: Uma pessoa não anda de metrô porque tem medo de sofrer um acidente. Falta na prova porque tem medo de ser reprovado. Não procura emprego porque acha que não vão contrata-la. Não dá sua opinião porque acha que vão considerar bobagem o que tem a dizer. Briga toda hora com o namorado porque pensa que ele está traindo. Ou seja, está deixando de fazer coisas por medo, está reagindo exageradamente, ou preocupada por coisas que não estão acontecendo. Estes comportamentos podem indicar ansiedade.

A ansiedade muito forte pode paralisar, é improdutiva. Ex. O vendedor que não liga para os clientes com medo de que eles lhe digam “não”. O estudante que não quer ir para escola porque os colegas não o chamam para jogar futebol, e aí ele conclui que “todo mundo o odeia”. Assim percebemos como a depressão ocorre em consequência da ansiedade.

Desamparo Aprendido

Uma das possibilidades no surgimento da depressão em uma pessoa seria o desamparo aprendido, ou seja, a pessoa vai passando por tantas situações negativas até chegar um momento que perde a expectativa de que vá acontecer coisas melhores. Por exemplo: Uma menina que cresceu com meninos, e tudo o que esses meninos faziam era considerando interessante, e o que ela fazia era ignorado, o menino tirava nota alta, diziam que ele era super inteligente, ela tirava nota alta, diziam que não fazia mais que a obrigação. Os meninos eram incentivados a atividades em grupo, a menina era incentivada a ficar passiva e dependente. Esta menina cresce, e agora em novas situações, onde talvez não houvesse rejeição, ela pode não perceber que  será aceita e reconhecida, mas devido ao seu histórico  fica cega a novas oportunidades. Ela se sente desamparada, sem saída. E desamparo pode induzir depressão.

terapia-online-casule-bannerPowered by Rock Convert

Ruminação

Algo que pode ser um fator desencadeante para a depressão seria a Ruminação. Eu considero a depressão como uma doença do pensamento. Um exemplo: Duas pessoas são demitidas do seu trabalho. Uma sai para se encontrar com os amigos e falar da vida, de tudo, menos de emprego, patrão e demissão, no outro dia vai jogar bola, e no outro monta seu currículo e vai à luta para encontrar um novo emprego. Mas a outra pessoa de nosso exemplo fica pensando no que aconteceu, o que foi que ela fez de errado, revira tudo mil vezes, acha defeito no que fez, no que disse, no que vestiu, ou seja, rumina sem chegar a conclusão nenhuma. Eu acredito que esta pessoa que passou o tempo ruminando tenha mais chance de desenvolver depressão.

Busca do irreal

Em minhas experiencias no atendimento psicológico percebi que a busca do irreal, como por exemplo, a busca da perfeição que faz a pessoa usar um bom tempo em detalhes que não vão mudar em nada o resultado final. A busca em ser a pessoa perfeita que  não erra nunca. Luta para que tudo o que ela diz ou faz seja considerado muito interessante e importante por todo mundo. Com esse objetivo irreal o resultado poderá ser o fechamento para o mundo.

Psicoterapia para depressão

A terapia pode mudar o padrão de pensamento depressivo, pensamentos de fracasso, derrota, perda, desamparo. Por exemplo, na terapia cognitiva a pessoa pode aprender a tornar conscientes os seus pensamentos automáticos, a questionar os pensamentos disfuncionais e assim tem material para mudar as crenças que estão eliciando esses pensamentos negativos.

A terapia trabalha no sentido de tentar corrigir quatro grupos principais: pensamento, sentimento, comportamento e condição física.

Pensamento depressivo

O modo de pensar do deprimido costuma ser negativo e  pode desenvolver uma imagem muito severa de si mesmo, do mundo e do futuro. O futuro pode ser visto  sem esperança. Qualquer pequeno obstáculo poderá ser percebido como intransponível. Pessimismo que pode ver as causas dos seus problemas como permanentes e pessoais, ou seja, nada vai melhorar, nunca, e ele é o responsável pela sua vida ser assim.

Comportamento depressivo

O depressivo pode ser passivo, indeciso e muitas vezes com tendências suicidas. A morte pode ser um pensamento de opção de saída desse sofrimento. Muitas vezes a pessoa só faz as coisas que são rotineiras, não inovam, não tentam nada diferente, e desiste de continuar tentando com facilidade.

Condição física do depressivo

Pode haver sintomas físicos, que podem ficar mais intensos quanto mais severa for a depressão. Por exemplo falta de apetite, não tem animo para sexo, não dorme, se sente esgotado, etc.

Tipos de depressão

Existem tipos diferentes de depressão como por exemplo a síndrome do ninho vazio que aparece quando os filhos vão embora; a depressão pós-parto que se inicia devido ao nascimento de um filho. Mas os três grandes tipos de depressão podem ser considerados a depressão típica, o transtorno bipolar e a distimia.

FONTE:http://www.marisapsicologa.com.br/depressao.html

banner-paisagem-ebook-manejo-da-ansiedade-v1.1-curtoPowered by Rock Convert
Casule Play

Depressão e seus sintomas

Se você quiser saber mais ou conversar com um dos nossos profissionais sobre Depressão e seus sintomas, você pode  agendar o seu horário clicando aqui.


Ou você pode ver mais sobre Terapia Online, Acompanhamento semanal com nossa Nutricionista ou Como ter mais produtividade com o nosso Coach!
Redatora Casule, aqui no Blog.
Sou focada em achar o melhor conteúdo que já foi publicado na rede e trazer informações que são relevantes e agregam valor para você.

O que você achou deste conteúdo?
Conte nos comentários sua opinião sobre: Depressão e seus sintomas.


0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dicas para diminuir a procrastinação
Dicas para diminuir a Procrastinação e organizar melhor sua Rotina

Dicas para diminuir a Procrastinação e organizar melhor sua Rotina

A Procrastinação é uma Distorção Cognitiva – pensamentos automáticos disfuncionais que distorcem a realidade para que esta se torne condizente com nossas crenças e interpretações anteriores. Mascarada pelo pensamento de ”depois eu faço”, a pessoa tende a adiar tarefas e acumular várias atividades. Geralmente isso acontece por insegurança e promove muita culpa e sintomas de Ansiedade.
quero-emagrecer-por-onde-começo
Quero emagrecer, por onde começo?

Quero emagrecer, por onde começo?

Chás emagrecedores, dietas milagrosas, produtos caríssimos: quem de nós nunca recorreu a estes artifícios para emagrecer? No vídeo de hoje a nutricionista Isa Polastri traz três dicas de como iniciar e se manter nesse processo de maneira efetiva, com passos simples, leves e seguros.
Saúde-mental-e-as-redes-sociais
Saúde mental e as redes sociais

Saúde mental e as redes sociais

Existem muitas pesquisas que relacionam problemas de saúde mental, principalmente depressão e ansiedade, com o uso excessivo das redes sociais. E não é pra menos que este assunto se tornou corriqueiro nas rodas de conversa. Mas o que acontece para que um número...

treine sua assertividade
Treine sua assertividade

Treine sua assertividade

Muito se fala sobre os tipos de comportamentos e a importância dos modelos de comunicação, sejam eles passivo, assertivo ou agressivo, mas você já parou para pensar como você costuma se posicionar?

Você sabe o que é consciência emocional?

Estamos o tempo todo prestando atenção nos sinais que o nosso corpo manda. É febre, dor de cabeça, prisão de ventre... A consciência emocional é quando agimos assim com as nossas emoções. É prestar atenção no que estamos sentindo, reconhecendo e dando nome às emoções que se manifestam com mais intensidade quando passamos por determinadas situações.
Leia mais
Você-sabe-o-que-é-consciência-emocional

Autoestima

Tenho recebido mensagens de pessoas dizendo que em meio a quarentena estão com a autoestima baixa, que por estarem em casa não estão se arrumando, e por isso, eu quero compartilhar com vocês uma história da minha filha...
Leia mais
Autoestima

Como identificar que seu filho precisa de psicoterapia?

A infância é uma fase marcada por transformações e crescimentos, tanto no âmbito físico quanto no emocional. É uma fase do desenvolvimento e maturação neurocognitiva de grande importância. A família precisa estar atenta as respostas comportamentais e emocionais. Os motivos para buscar a Psicoterapia na infância são diversos. A psicoterapia infantil é um caminho para ajudar a criança a lidar com essas questões. Estimular para que aprendam a lidar de forma funcional com o conjunto de emoções, pensamentos e comportamentos desencadeados nas mais diversas situações.
Leia mais
Como-identificar-que-seu-filho-precisa-de-psicoterapia

Alimentação pode minimizar os sintomas da menopausa

A menopausa é uma fase da vida das mulheres que pode trazer sintomas como ondas de calor, irritabilidade, ganho de peso, depressão, entre outros. A alimentação se torna importante no manejo destes sintomas e pode promover um bem-estar geral para as mulheres.
Leia mais
alimentação-pode-minimizar-os-sintomas-da-menopausa

Como lidar com a necessidade de controle?

A necessidade de controle é um mecanismo de enfrentamento utilizado por muitas pessoas que, normalmente,são perfeccionistas, inflexíveis, rígidas. O objetivo principal desse mecanismo é obter segurança e não se sentir vulnerável com os imprevistos.
Leia mais

Como resolver sua autoestima?

Nesse vídeo vou te fornecer um instrumento que vai te ajudar a solucionar seus problemas com a sua autoestima. Tá achando que é milagre? Não! O resultado vai depender das suas atitudes, porém será satisfatório.
Leia mais
Como-resolver-sua-autoestima

Como se posicionar?

Sabe aquela pessoa que sempre se comporta de forma rígida e agressiva? Você tem dificuldade em se posicionar quando isso acontece e acaba se sentindo constrangido ou com algum receio ou trava quando alguém te trata dessa forma? Se você quer aprender a se posicionar, esse vídeo é para você!
Leia mais

Ansiedade

O medo é um sentimento inato que nasce conosco. Já a ansiedade é um sentimento secundário oriundo do medo. Ela é um sentimento que todos nós temos, não há ninguém que tenha uma ansiedade zero. Assim sendo, a ansiedade basal de todos os seres humanos estão sempre maior que zero.
Leia mais

Como reduzir a celulite

A celulite é um processo de desestruturação em que a pele perde seu aspecto firme. Atualmente afeta cerca de 98% das mulheres de todo o mundo. Será que a alimentação pode contribuir na diminuição da celulite? A resposta é SIM e pode ser mais fácil do que você imagina! Assista ao vídeo completo e saiba como.
Leia mais
Como reduzir a celulite

Dicas para melhorar a sua Autoestima

Autoestima é uma auto avaliação positiva ou negativa, envolvendo o sentimento acerca de si próprio (como eu me sinto) e o autojulgamento a partir do que a sociedade impõe (como ''devo'' me sentir).
Leia mais
Dicas para melhorar a sua Autoestima
Tenha o total controle das suas emoções conte com a Casule para o seu bem-estar.
Share This