Conheça a terapia familiar e descubra quando recorrer a ela!

Atualizado em 07/07/2015
Por Redatora Casule

Conheça a terapia familiar e descubra quando recorrer a ela!

Atualizado em 07/07/2015
Por Redatora Casule
Junte-se a milhares de pessoas

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

Conheça a terapia familiar e descubra quando recorrer a ela!

 

A terapia familiar pode ajudar a superar diversos problemas emocionais. Ela tem o objetivo da conquista ou reconquista de relações harmoniosas, respeitosas e saudáveis entre os membros de uma família, podendo em alguns casos também ter como foco o tratamento de um dos indivíduos.

Por que recorrer à terapia familiar

Muitas vezes, a necessidade da terapia familiar vem de um fato ou episódio traumático específico, como, por exemplo, a dependência do filho mais novo em álcool e outras drogas ou a depressão da mãe. Diante de um momento de extrema dificuldade, torna-se mais concreta a necessidade de intervenção e ajuda profissional no núcleo da família

Isso ocorre não porque a disfunção relacional familiar é a causa maior de situações extremas como essas, mas porque há o entendimento de que relações deficientes entre os membros da família são muitas vezes a chave para a origem de diversos problemas emocionais e de saúde em geral.

Dessa forma, a família contribui tanto para a efetivação dos comportamentos ruins de um de seus membros quanto para a solução de muitos problemas entre eles.

Aplicação da terapia familiar

Quando começou a ser aplicada, a terapia familiar era conduzida por terapeutas comportamentais e predominantemente consistia em técnicas inspiradas na teoria da aprendizagem, que buscava tratar indivíduos. No entanto, esse conhecimento foi ampliado ao longo do tempo por estudiosos e pesquisadores que passaram a entender a existência de um núcleo familiar que vai além das individualidades.

terapia-online-casule-banner

Nos últimos anos, em especial, observa-se um número cada vez maior de especialistas e estudos que afirmam a eficiência da terapia familiar, seja como um acompanhamento preventivo da relação familiar, ou como umas das mais importantes intervenções quando o objetivo é o tratamento de transtornos tais como os da alimentação (bulimia, anorexia, entre outros) e transtornos do humor (depressão, bipolaridade, e os demais).

Dessa forma, quando o objetivo é a melhora nas relações do contexto familiar, ou o tratamento de um membro a partir das mudanças nessas relações, a terapia familiar é o procedimento mais indicado.

Durante as sessões, o terapeuta assume um papel parecido com o de um arquiteto, devendo construir o diálogo da família com base num ambiente em que ele e os pacientes tenham liberdade para tecer uma análise do passado e do presente do núcleo familiar, cuidando da elaboração do plano de mudanças e trabalhando a postura de cada um e do todo para transformações futuras.

Essa etapa da terapia familiar, em que todos participam do levantamento do histórico de problemas familiares, é essencial para o entendimento do que ocorre no presente, passando por todos os comportamentos indesejáveis e pela comparação com o desejo comum da família. Ela é como a espinha dorsal do tratamento e, quando bem fundamentada, garante excelentes resultados.

Nos últimos anos, foram desenvolvidas diversas novas técnicas que auxiliam a administração de problemas familiares e proporcionam a ampliação de relações saudáveis. São tipos de terapia familiar também o treinamento de pais, a terapia de casal e o treino de habilidades de comunicação, entre outros. Todos eles considerados intervenções bastante eficientes na abordagem dos problemas no contexto familiar.

No entanto, mais do que aplicar técnicas, o objetivo do tratamento é, através de avaliação e acompanhamento, estimular o entendimento das causas dos problemas familiares e desenvolver habilidades de relacionamento importantes no dia a dia, para que seus membros possam deixar o consultório sabendo resolver as próprias dificuldades no futuro.

FONTE:ivomaissaudavel.com.br/bem-estar/terapias/conheca-a-terapia-familiar-e-descubra-quando-recorrer-a-ela/

Guia com as 15 Técnicas para reduzir a ansiedade
Sou focada em achar o melhor conteúdo que já foi publicado na rede e trazer informações que são relevantes e agregam valor para você.
Casule Play

Conheça a terapia familiar e descubra quando recorrer a ela!

Se você quiser saber mais ou conversar com um dos nossos profissionais sobre Conheça a terapia familiar e descubra quando recorrer a ela!, você pode  agendar o seu horário clicando aqui. Ou você pode ver mais sobre Terapia Online, Acompanhamento semanal com nossa Nutricionista ou Como ter mais produtividade com o nosso Coach!
Redatora Casule, aqui no Blog.
Sou focada em achar o melhor conteúdo que já foi publicado na rede e trazer informações que são relevantes e agregam valor para você.

O que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários sua opinião sobre: Conheça a terapia familiar e descubra quando recorrer a ela!.

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Quando a rede social deixa de ser um prazer e impacta sua saúde emocional

Atualmente, as redes sociais são uma grande forma de interação social, nos conectando a amigos, familiares e pessoas do mundo todo. Auxiliam também na compra e venda de produtos, e contribuem para a disseminação de informações. Mas, mesmo com todas essas vantagens, as redes sociais também podem ser um ambiente bem tóxico.
Leia mais

AVALIAÇÃO PARA CIRURGIA BARIÁTRICA: entenda porque não pode ser realizada em uma única sessão

A avaliação para cirurgia bariátrica é um processo que consiste na utilização de diversas ferramentas para avaliar o paciente e possibilitar a elaboração do laudo. E como todo processo, não é viável ser realizado em uma única sessão, pois uma série de requisitos precisa ser cumprida para zelar pelo cuidado e segurança do paciente, além da fidedignidade do resultado.
Leia mais
Tenha o total controle das suas emoções conte com a Casule para o seu bem-estar.
Share This