Terapia de Aceitação e Compromisso (ACT)

Cognições sociais

Atualizado em 09/10/2017
Por Redatora Casule

Cognições sociais

Atualizado em 09/10/2017
Por Redatora Casule
Junte-se a milhares de pessoas

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

Cognições sociais

Você sabe o que é cognição social? Esse conceito se refere ao estudo da forma como criamos inferências em nossas relações baseadas nas informações sociais que o ambiente nos emite. Em interação com o meio, surge a necessidade de entendê-lo e responder a seus estímulos, para isso absorvermos esses dados e criamos percepções sobre nós, o mundo e os outros.

Ao longo de toda nossa vida, percebemos pessoas, conhecemos membros de diferentes grupos e interagimos com eles. Nesse processo de intercâmbio, criamos cognições sociais e estabelecemos esquemas sociais, atalhos mentais e automatismos.

Os esquemas sociais dizem respeito à forma como organizamos informações do ambiente sobre determinado tema, e isso define a forma como interpretamos e reagimos a esses estímulos. Criamos esquemas cognitivos sobre diferentes referenciais, podendo ser sobre nós mesmos, sobre os grupos, comportamentos, culturas, etc.

Os atalhos mentais são métodos rápidos de chegarmos a conclusões, para que possamos reagir de forma imediata a determinados estímulos. Eles têm papel relevante em nossas adaptações ao contexto e ambiente, tornando as reações mais rápidas e com menos esforço psíquico.

terapia-online-casule-banner

Já os automatismos são as formas como os outros dois processos citados, bem como alguns comportamentos são ativados, ainda que sem a tomada de consciência deles. Todos esses mecanismos nos permitem adaptar, interagir e reagir de forma eficiente ao ambiente em que estamos.

Todo esse processo tem uma função social importante, porém nos leva a alguns equívocos que devem ser considerados. Os esquemas sociais, por exemplo, podem gerar o que chamamos na psicologia social de “profecias autorrealizadoras”. Trata-se de um conjunto de percepções compartilhadas por determinado grupo a respeito de alguém ou de um comportamento específico, que em interação com esse ambiente, passa a reagir conforme o esquema compartilhado, confirmando a percepção inicial. Isso ocorre, por exemplo, no contexto escolar, quando o “aluno problema” é tratado por todos como tal e ele mesmo internaliza essa percepção, tornando-se de fato um aluno conflituoso.

Os atalhos mentais também podem nos levar a conclusões precipitadas, principalmente quando evitamos questionar nossas percepções sociais. O automatismo também pode nos manter em ciclos de percepções e comportamentos condicionados que não mudamos, ainda que não nos faça bem. O pensamento social pode ocorrer de forma lógica, sistemática e com esforço mental, porém pode se dar de forma rápida, imediata e independente de concentração. O que faz essa reação automática ou não está relacionada ao tempo de reação que temos, entre estímulo e a resposta necessária. As duas formas são relevantes e fundamentais nos diferentes contextos em que nos vemos.

Os mecanismos que usamos na interação com o mundo, e consequentemente com nossos grupos, são fundamentais para a percepção, interpretação e resposta a eles. Na maioria das vezes nos permitem ser eficientes nessa adaptação, mas por vezes podem nos levar a erros também. O questionamento frequente desses comportamentos ajudam a diminuir os equívocos e permitir melhoras pessoais e sociais, principalmente no intercâmbio com os grupos, gerando efeitos importantes tanto no âmbito profissional quanto das relações interpessoais.

Guia com as 15 Técnicas para reduzir a ansiedade
Sou focada em achar o melhor conteúdo que já foi publicado na rede e trazer informações que são relevantes e agregam valor para você.
Casule Play

Cognições sociais

Se você quiser saber mais ou conversar com um dos nossos profissionais sobre Cognições sociais, você pode  agendar o seu horário clicando aqui. Ou você pode ver mais sobre Terapia Online, Acompanhamento semanal com nossa Nutricionista ou Como ter mais produtividade com o nosso Coach!
Redatora Casule, aqui no Blog.
Sou focada em achar o melhor conteúdo que já foi publicado na rede e trazer informações que são relevantes e agregam valor para você.

O que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários sua opinião sobre: Cognições sociais.

0 comentários

8 Dicas para melhorar a sua autoestima

8 Dicas para melhorar a sua autoestima

Tem dias que você acorda e não se sente satisfeito com o que é? Não consegue sentir orgulho do que faz e das suas conquistas? Tem dificuldade de enxergar seus pontos fortes e suas qualidades? Pois é, você pode estar com baixa autoestima e isso é muito comum de acontecer. Buscar meios para melhorar a autoestima é um grande passo. Seja através da leitura de um livro sobre o assunto, pesquisas, assistindo vídeos ou mesmo através da ajuda profissional.
5 sinais clássicos que você se cobra demais

5 sinais clássicos que você se cobra demais

Como lidar com a sensação incômoda de autocobrança excessiva? Como lidar com aquela voz que fica na nossa cabeça falando “você deveria ter feito isso”, “eu deveria dar conta… “você não podia ter feito aquilo”, “você podia ter feito diferente”, “porque eu sou assim?”, dentre outras tantas frases de cobrança que nós mesmos fazemos conosco.

6 dicas para lidar com a traição

A descoberta de uma traição é capaz de transformar qualquer relacionamento amoroso, seja namoro ou casamento. A vida do casal pode mudar para melhor ou piorar consideravelmente, mas, com certeza, nunca mais será a mesma.
Leia mais

3 estratégias para controlar seu dinheiro

Ser positivo é algo muito bom, porém quando falamos de dinheiro, devemos ser realistas e conhecer bem a nossa própria condição financeira. Por isso, ter inteligência emocional nas finanças se torna algo tão importante.
Leia mais

5 sinais clássicos que você se cobra demais

Como lidar com a sensação incômoda de autocobrança excessiva? Como lidar com aquela voz que fica na nossa cabeça falando “você deveria ter feito isso”, “eu deveria dar conta… “você não podia ter feito aquilo”, “você podia ter feito diferente”, “porque eu sou assim?”, dentre outras tantas frases de cobrança que nós mesmos fazemos conosco.
Leia mais

Geração Tik Tok: 3 vícios do momento

Uma tela de celular, um vídeo vertical e um minuto da sua vida. Esses três elementos são a essência do Tik Tok, a rede social de vídeos curtos que está viciando os jovens e já mudou os hábitos de consumo de vídeos de milhares de usuários. Você abre às 19h, e quando olha para o relógio novamente, já se passou uma hora.
Leia mais
Tenha o total controle das suas emoções conte com a Casule para o seu bem-estar.
Share This