É comum que em determinadas situações da nossa vida não nos sintamos seguros e peçamos ajuda a alguém em quem confiamos mais. Por exemplo, quando temos uma festa muito importante para nós, podemos nos sentir inseguros sobre que roupa usar e assim pediremos ajuda a uma irmã ou amiga, ou quando queremos trocar o carro mas não entendemos muito sobre o assunto e, por este ser um investimento de alto valor, solicitamos a alguém que entenda melhor do assunto nos acompanhe na compra, etc. Nestes casos você pode saber o que quer mas sentir-se insegura para decidir sozinha, enquanto na dependência emocionalmente a pessoa não conhece a si mesma, e por isso tem dificuldade para definir o que ela gosta ou o que a faz sentir melhor em determinadas situações. 

Depender emocionalmente de alguém pode fazer com que a pessoa tenha aumentada a sensação de insegurança e uma baixa autoestima. Por vezes a pessoa se relaciona com outras apenas para que tenha alguém em quem se apoiar emocionalmente. O medo de ficar sozinha que pessoas com essa característica apresentam é tão grande, que elas acabam aceitando qualquer coisa que o parceiro(a) oferecer.

Participe e aprenda mais sobre bem-estarPowered by Rock Convert

Na dependência emocional o indivíduo apresenta uma necessidade, excessiva e em diferentes aspectos da vida, de ser cuidado. Tal característica colabora para que o indivíduo assuma uma postura de dependência, submissão e apego pelas pessoas que a cercam em situações diversas, por medo de ser abandonado ou de ficar sozinho. 

O autoconhecimento é o caminho para que possamos sair de uma dependência emocional. Quando buscamos entender melhor os motivos que nos levaram a tomar determinadas decisões, quais são as nossas preferências, ou saber mais sobre a nossa história de vida, criamos a possibilidade de sermos mais confiantes nas nossas escolhas e mais determinados para executarmos nossas decisões. 

Assim, conhecer e aceitar nossas limitações nos possibilita potencializar as nossas capacidades, a lidar de forma mais madura e segura com as nossas emoções desenvolvendo uma maior capacidade de autocontrole. Talvez um dos ganhos mais significativos seja a possibilidade de não depositar a responsabilidade pela sua própria felicidade em outras pessoas. 

Share This