Distorção da autoimagem corporal.
24 de agosto de 2016
Rejeição paterna e suas consequências
26 de agosto de 2016

Consciência pesada aflige quem tem mania de perfeição

A tristeza toma conta e os sentimentos de culpa parecem que nunca mais vão desaparecer. Suas atitudes vêm à tona feito um filme e você fica pensando por que não agiu de uma forma melhor ou por que não conseguiu controlar os sentimentos.

A consciência pesada faz bem mais do que afligir suas emoções e pode, inclusive, desencadear problemas para saúde. “A consciência pesada surge porque podemos enganar a todos ao nosso redor, mas dificilmente conseguimos enganar a nós mesmos, e o nosso inconsciente vai gerando incômodos, Tentamos fugir disso, mas lá no fundo, sabemos que algo esta errado. Então, ora sentimos o peso desta culpa, ora tentamos fugir dela. O temperamento fica oscilando e o humor fica mais vulnerável.

As reações que essa situação provoca são diversas e podem comprometer seriamente o emocional de uma pessoa. Tristeza, desânimo, falta de motivação e uma vontade de sumir tomam conta dos seus pensamentos. Você tende a se isolar.
Isso não é uma regra geral, e existem pessoas que conseguem disfarçar esses sentimentos. “Algumas pessoas, para dissimular, tornam-se mais tagarelas, mais falantes e, aparentemente, descontraídas, mas com uma marca de tensão muito evidente no olhar e na postura corporal,algumas pessoas podem se entregar ao álcool ou a qualquer outra droga em situações de crise.

Outro problema de quem vive com esse sentimento está na queda do sistema imunológico, que deixa uma pessoa com a saúde vulnerável. “Quando ficamos tristes, nos sentimos culpados, irritados e com uma continua oscilação de humor, sofremos uma queda brusca no sistema imunológico, o que pode afetar seriamente nossa saúde”, explica.

As pessoas que mais sofrem com a consciência pesada são aquelas que exigem demais de si e buscam acertar o tempo todo, esquecendo que erros podem ser cometidos por mais que se lute contra eles.

Esse sentimento depende do quanto uma pessoa é rígida e severa com seus próprios pontos de vista. “Normalmente o perfeccionista, o autoritário e o puritano estão no grupo que mais sofre de consciência pesada, já que são os que cobram certas atitudes dos outros. Assim, quando eles mesmos são traídos por suas próprias ações – afinal, ninguém é perfeito a cobrança e o peso são muito maiores”.

Como se livrar

Para se livrar desse sentimento, precisamos primeiro parar de julgar as ações dos próximos e aprender que ninguém é perfeito. A primeira atitude é “pegar leve consigo mesmo”. Ou seja, nem sempre temos todas as respostas. Nem sempre iremos agir da melhor maneira possível. Mas, somos seres humanos, carregando nossas falhas e limitações. Aceitar que não podemos tudo é o primeiro passo. O segundo ponto é parar de ser tão taxativo com os outros. “Quando somos menos exigentes com as pessoas que nos cercam estamos automaticamente nos tornando mais camaradas com nossas próprias imperfeições”.

Prevenindo


Prevenir esse sentimento não é tão difícil, com apenas algumas atitudes, deixamos a consciência pesada bem longe. “Podemos começar analisando as situações antes de embarcar em projetos, ações ou sentimentos. Outro ponto é praticar o não julgamento em relação aos outros e em relação a nós mesmos”.

Reconhecendo esse sentimento

Quer reconhecer alguém que está com a consciência pesada? Basta prestar atenção em alguns detalhes e ficar atento as reações dessa pessoa. “Um indivíduo que está com a consciência pesada pode tentar dissimular a situação. Mas algumas ações revelam este comportamento: necessidade de ficar agradando a todos, mania de limpeza ou até mesmo aquela pessoa que evita a todo custo falar qualquer coisa sobre ela.

FONTE:http://www.minhavida.com.br/bem-estar/materias/4594-consciencia-pesada-aflige-quem-tem-mania-de-perfeicao

Comentários

comentários

Redatora Casule
Redatora Casule
Sou focada em achar o melhor conteúdo que já foi publicado na rede e trazer informações que são relevantes e agregam valor para você.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Marcar Consulta