A contribuição de um pet no desenvolvimento da criança - Milena - psicóloga da Casule

A contribuição de um pet no desenvolvimento da criança

Atualizado em 08/11/2018
Por Redatora Casule

A contribuição de um pet no desenvolvimento da criança

Atualizado em 08/11/2018
Por Redatora Casule
Junte-se a milhares de pessoas

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

A contribuição de um pet no desenvolvimento da criança

Cão, gato, passarinho, tartaruga, coelho, peixe… As crianças em geral adoram os bichinhos e o convívio com os pets não provoca apenas diversão, mas também beneficiam de uma maneira ampla, prestando contribuição para o desenvolvimento social e emocional dos pequenos.


         Para uma convivência saudável, a criança deve ser ensinada a respeitar as necessidades, os limites e até a privacidade do animalzinho e entender que tem uma companhia para as brincadeiras, mas que ele também precisa de atenção, respeito, cuidado e amor.

terapia-online-casule-banner


         Os fatores para a chegada de um pet são a motivação familiar, o espaço, a disponibilidade de tempo, as características da vida familiar e a afinidade da criança, que também é um fator que deve ser levado em conta, e por isso é válido perguntar qual animal ela gostaria de ter.
         As crianças que recebem mais estímulos se desenvolvem melhor cognitivamente, e o animal é uma ferramenta a mais. Em muitos casos, a criança enxerga o animal como companheiro, amigo, cúmplice de aventuras e
até confidente.


         Os animaizinhos na maioria das vezes estão sempre dispostos a brincar e isso faz com que as crianças tenham uma oportunidade de interação social e exercício.  Eles também precisam de cuidados como o passeio, a alimentação e limpeza, e assim, as crianças percebem a importância de cuidar dos demais e de ter responsabilidade por eles.
         Além disso, os animais contribuem para o desenvolvimento emocional, estimulam a autoestima e contribuem para o desenvolvimento das habilidades sociais da criança.


         Além de todos os benefícios já expostos, a criança também aprende a conviver com as etapas da existência do animal, e que infelizmente um dia termina como é o ciclo natural da vida. E mesmo sendo um momento de dificuldade, a criança aprende a lidar com as frustrações e sobreviver às perdas.

Guia com as 15 Técnicas para reduzir a ansiedade
Casule Play

A contribuição de um pet no desenvolvimento da criança

Se você quiser saber mais ou conversar com um dos nossos profissionais sobre A contribuição de um pet no desenvolvimento da criança, você pode  agendar o seu horário clicando aqui. Ou você pode ver mais sobre Terapia Online, Acompanhamento semanal com nossa Nutricionista ou Como ter mais produtividade com o nosso Coach!
Redatora Casule, aqui no Blog.
Sou focada em achar o melhor conteúdo que já foi publicado na rede e trazer informações que são relevantes e agregam valor para você.

O que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários sua opinião sobre: A contribuição de um pet no desenvolvimento da criança.

0 comentários

Como tratar a Fobia Social
Como tratar a Fobia Social

Como tratar a Fobia Social

A ansiedade ou fobia social é quando a pessoa no contato social, no contato com o outro tem o seu objeto fóbico de medo, de ansiedade. Assim, qualquer circunstância que ela precise se expor a uma situação social desde as mais simples, como por exemplo, cumprimentar alguém, fazer ou receber um elogio, ela já sente uma ansiedade extrema e com sintomas físicos.
Fome fisiológica versus Fome emocional
Fome fisiológica x Fome emocional

Fome fisiológica x Fome emocional

Não é incomum se deparar com situações e períodos estressantes na vida da maioria das pessoas e uma das primeiras consequências é sair da dieta. Por essa razão a fome fisiológica (homeostática) muitas vezes pode ser confundida com a fome emocional (hedônica). E como diferenciá-las?

O tripé da Autoestima?

Autoestima é um dos assuntos mais falados no momento. E, apesar de aparecer sempre muito atrelado à autoimagem (forma como o indivíduo se enxerga), ela é muito mais que isso.
Leia mais
O tripé da Autoestima

Dicas para lidar com a insônia

Você sabia que os nossos comportamentos e atitudes durante o dia estão totalmente ligados com o nosso sono? Por isso, nesse vídeo, abordei quais são os tipos de insônia, e sugeri algumas mudanças para que você pode adaptar a sua rotina, e como consequência, melhorar a qualidade do seu sono.
Leia mais
Dicas-para-lidar-com-a-Insônia

Objetivos da Orientação Profissional

A Orientação Profissional é um processo de avaliação que auxilia qualquer pessoa, independente da idade, a escolher uma faculdade ou um curso profissionalizante, e até mesmo mudar de carreira.
Leia mais
Tenha o total controle das suas emoções conte com a Casule para o seu bem-estar.
Share This