A contribuição de um pet no desenvolvimento da criança - Milena - psicóloga da Casule

A contribuição de um pet no desenvolvimento da criança

Atualizado em 08/11/2018
Por Redatora Casule

A contribuição de um pet no desenvolvimento da criança

Atualizado em 08/11/2018
Por Redatora Casule
Junte-se a milhares de pessoas

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

A contribuição de um pet no desenvolvimento da criança

Cão, gato, passarinho, tartaruga, coelho, peixe… As crianças em geral adoram os bichinhos e o convívio com os pets não provoca apenas diversão, mas também beneficiam de uma maneira ampla, prestando contribuição para o desenvolvimento social e emocional dos pequenos.


         Para uma convivência saudável, a criança deve ser ensinada a respeitar as necessidades, os limites e até a privacidade do animalzinho e entender que tem uma companhia para as brincadeiras, mas que ele também precisa de atenção, respeito, cuidado e amor.

terapia-online-casule-banner


         Os fatores para a chegada de um pet são a motivação familiar, o espaço, a disponibilidade de tempo, as características da vida familiar e a afinidade da criança, que também é um fator que deve ser levado em conta, e por isso é válido perguntar qual animal ela gostaria de ter.
         As crianças que recebem mais estímulos se desenvolvem melhor cognitivamente, e o animal é uma ferramenta a mais. Em muitos casos, a criança enxerga o animal como companheiro, amigo, cúmplice de aventuras e
até confidente.


         Os animaizinhos na maioria das vezes estão sempre dispostos a brincar e isso faz com que as crianças tenham uma oportunidade de interação social e exercício.  Eles também precisam de cuidados como o passeio, a alimentação e limpeza, e assim, as crianças percebem a importância de cuidar dos demais e de ter responsabilidade por eles.
         Além disso, os animais contribuem para o desenvolvimento emocional, estimulam a autoestima e contribuem para o desenvolvimento das habilidades sociais da criança.


         Além de todos os benefícios já expostos, a criança também aprende a conviver com as etapas da existência do animal, e que infelizmente um dia termina como é o ciclo natural da vida. E mesmo sendo um momento de dificuldade, a criança aprende a lidar com as frustrações e sobreviver às perdas.

Guia com as 15 Técnicas para reduzir a ansiedade
Casule Play

A contribuição de um pet no desenvolvimento da criança

Se você quiser saber mais ou conversar com um dos nossos profissionais sobre A contribuição de um pet no desenvolvimento da criança, você pode  agendar o seu horário clicando aqui. Ou você pode ver mais sobre Terapia Online, Acompanhamento semanal com nossa Nutricionista ou Como ter mais produtividade com o nosso Coach!
Redatora Casule, aqui no Blog.
Sou focada em achar o melhor conteúdo que já foi publicado na rede e trazer informações que são relevantes e agregam valor para você.

O que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários sua opinião sobre: A contribuição de um pet no desenvolvimento da criança.

0 comentários

Meu medo me faz fugir
Meu medo me faz fugir

Meu medo me faz fugir

Evitar se expor a situações que causam medo e ansiedade é algo extremamente normal. Porém, quando a "evitação" e a fuga se tornam um repertório comum para várias situações... é importante ligar o sinal de alerta.

Controlando sua Ansiedade

Ansiedade é uma reação emocional desencadeada pela percepção de uma ameaça – real ou imaginária. Nosso corpo pode responder a esse estado de diversas maneiras e cada uma delas é única e exclusiva de cada pessoa!
Leia mais
Controlando sua Ansiedade

Saiba quais alimentos evitam a acne

Certos hábitos alimentares inadequados quando associados a outros fatores, podem provocar um aumento da oleosidade da pele que desencadeiam processos inflamatórios.
Leia mais
alimentos-que-evitam-a-acne-BLOG

Dicas para uma vida mais leve

Diferente do que muitos acreditam, ter uma vida leve não significa não ter problemas ou adversidades, mas sim, aceitar que vão haver obstáculos no meio do caminho e tentar lidar com eles dá melhor forma possível. Confira algumas dicas para levar uma vida mais leve nesse texto.
Leia mais
dicas para uma vida mais leve

5 dicas para manter uma boa saúde mental

Diante de um cenário cada vez mais competitivo, manter uma boa saúde mental no dia a dia do trabalho não é fácil, o estresse, o esgotamento mental e a pressão psicológica podem trazer várias consequências ruim para sua saúde mental e física. Neste vídeo vamos aprender 5 dicas fáceis de como aliviar o estresse do dia a dia e manter uma boa saúde mental diante da pressão do trabalho.
Leia mais
Tenha o total controle das suas emoções conte com a Casule para o seu bem-estar.
Share This