comunicacao-modelos-e-estrategias-de-mudanca-blog-casule

Comunicação: Modelos e estratégias de mudança

Atualizado em 19/06/2019
Por Redatora Casule

Comunicação: Modelos e estratégias de mudança

Atualizado em 19/06/2019
Por Redatora Casule
Junte-se a milhares de pessoas

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

Comunicação: Modelos e estratégias de mudança

Quantas vezes você disse sim querendo dizer não, ou perdeu a paciência e disse coisas que não caiu bem? Esses comportamentos de comunicação têm a ver com o que chamamos de passividade, assertividade e agressividade.

⠀⠀⠀⠀O comportamento agressivo é aquele em que as pessoas estão sempre “armadas”, tensas à espera de conflitos. As pessoas que se comunicam dessa forma se impõem, julgam e as vezes até desqualificam o outro, respondem de forma agressiva a qualquer situação, gerando conflitos desnecessários e muitas vezes não percebidos pelo próprio. Tem opiniões bem fortes e não tem medo de expressá-las, mesmo quando não lhe é solicitado.

          Sabe aquela pessoa que se dirige ao outro com grosseria e rispidez e diz assim: “falo mesmo, sou sincero, falo na cara, não importa se vão ou não gostar”. Conhece alguém assim? Então, esse é o comportamento agressivo, a pessoa até é sincera, no entanto a forma como se expressa gera prejuízos e conflitos nas suas relações interpessoais e muitas vezes irreversíveis, afastando as pessoas.

⠀⠀⠀⠀ Temos também o comportamento passivo que ocorre quando negamos nossos sentimentos e desejos, podendo gerar angústia e sentimentos de incapacidade, inferioridade e diminuição da autoconfiança e autoestima. Pessoas passivas são tímidas, raramente se envolvem, tem vergonha de perguntar o porquê, tem medo de dizer não, sentem falta de confiança e raramente reclamam (mesmo sentindo-se desconfortáveis).

           Tem o mal habito de engolir “sapos” e reprimem quase tudo o que sentem. Mas quando chegam no seu limite, explodem. Vão para o outro extremo, ocorrendo assim os rompimentos. Sabe aquela pessoa que nunca reclama, e quando menos se espera ela pede demissão ou pede para se separar? Esse é o comportamento da pessoa que tem como predomínio de comportamento passivo.

           E por fim é muito importante a assertividade que se caracteriza pela harmonia entre as expressões e palavras ditas. É ser firme de maneira educada, respeitosa consigo mesmo e com os outros. Na comunicação assertiva a pessoa diz sim quando quer dizer sim, e não quando quer dizer não. Fala por si mesmo, usa linguagem corporal apropriada, mantém contato visual e não têm medo de perguntar por quê.

           É uma pessoa fiel com seus sentimentos e emoções, ou seja, consegue viver em harmonia com o pensar, sentir e agir. Essa pessoa leva a vida de forma coerente, se expressa com gentileza e firmeza ao mesmo tempo. 

terapia-online-casule-banner

Dicas para desenvolver a comunicação assertiva: ⠀⠀

– Use frases com os verbos: “eu quero resolver”, “eu vejo”, ou “eu compreendo”

– Ajuste sua mensagem de acordo com seu público.

– Tenha empatia.

– Organize suas ideias antes de expô-las: Isso contribuirá para sustentar suas ideias e passar a mensagem com clareza e convicção.

– Seja claro, direto e enxuto: Quando mais voltas você dar, mais confuso ficará suas ideias.

Qual é sua forma de comunicação? Já parou para pensar nos benefícios de uma comunicação assertiva? Te convido a fazer essa reflexão!

Guia com as 15 Técnicas para reduzir a ansiedade
Sou focada em achar o melhor conteúdo que já foi publicado na rede e trazer informações que são relevantes e agregam valor para você.
Casule Play

Comunicação: Modelos e estratégias de mudança

Se você quiser saber mais ou conversar com um dos nossos profissionais sobre Comunicação: Modelos e estratégias de mudança, você pode  agendar o seu horário clicando aqui. Ou você pode ver mais sobre Terapia Online, Acompanhamento semanal com nossa Nutricionista ou Como ter mais produtividade com o nosso Coach!
Redatora Casule, aqui no Blog.
Sou focada em achar o melhor conteúdo que já foi publicado na rede e trazer informações que são relevantes e agregam valor para você.

O que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários sua opinião sobre: Comunicação: Modelos e estratégias de mudança.

0 comentários

5 sinais clássicos que você se cobra demais

5 sinais clássicos que você se cobra demais

Como lidar com a sensação incômoda de autocobrança excessiva? Como lidar com aquela voz que fica na nossa cabeça falando “você deveria ter feito isso”, “eu deveria dar conta… “você não podia ter feito aquilo”, “você podia ter feito diferente”, “porque eu sou assim?”, dentre outras tantas frases de cobrança que nós mesmos fazemos conosco.

3 estratégias para controlar seu dinheiro

Ser positivo é algo muito bom, porém quando falamos de dinheiro, devemos ser realistas e conhecer bem a nossa própria condição financeira. Por isso, ter inteligência emocional nas finanças se torna algo tão importante.
Leia mais

5 sinais clássicos que você se cobra demais

Como lidar com a sensação incômoda de autocobrança excessiva? Como lidar com aquela voz que fica na nossa cabeça falando “você deveria ter feito isso”, “eu deveria dar conta… “você não podia ter feito aquilo”, “você podia ter feito diferente”, “porque eu sou assim?”, dentre outras tantas frases de cobrança que nós mesmos fazemos conosco.
Leia mais

Geração Tik Tok: 3 vícios do momento

Uma tela de celular, um vídeo vertical e um minuto da sua vida. Esses três elementos são a essência do Tik Tok, a rede social de vídeos curtos que está viciando os jovens e já mudou os hábitos de consumo de vídeos de milhares de usuários. Você abre às 19h, e quando olha para o relógio novamente, já se passou uma hora.
Leia mais
Tenha o total controle das suas emoções conte com a Casule para o seu bem-estar.
Share This