qual-o-melhor-adocante-nutricao-casule
Qual o melhor adoçante? (vídeo completo)
4 de setembro de 2018
suicídio-setembro-amarelo-psicologia-casule
Setembro Amarelo – Suicídio na infância e adolescência
6 de setembro de 2018

Psicoterapia infantil:
Como funciona e quando é recomendado?

psicoterapia infantil - psicóloga - Milena - Casule

Ser criança é mergulhar em um mundo de descobertas e transformações, e é nessa fase que a criatividade se expressa com mais facilidade e que os primeiros afetos vão proporcionar acolhimento para encorajar a vida no futuro.
         Cuidar da saúde mental das crianças é também exercer a função de prevenção da saúde mental do adolescente, tornando assim um adulto mais consciente de seus sentimentos.
         Muitas dúvidas giram em torno do atendimento infantil… Então vamos lá!

– Como funciona?

A primeira sessão é realizada com os pais. O psicólogo realiza uma entrevista inicial para reunir informações sobre a história da criança e para conhecer a dinâmica familiar.
         As sessões seguintes são realizadas apenas com a criança. O atendimento é feito de forma lúdica com atividades adaptadas para sua idade e com a finalidade de criar uma relação de confiança entre a criança e o terapeuta para que ela possa se sentir à vontade.
         Ao longo dos atendimentos, a participação dos pais neste processo é imprescindível para a evolução da criança, e muitas vezes, se faz necessário solicitar mais informações, como também, oferecer-lhes auxílio para o desenvolvimento satisfatório do processo terapêutico. A parceria com a escola também é muito importante.

– Qual o objetivo?

O objetivo é auxiliar na expressão das emoções de cada criança, pois é através da brincadeira que ela expressa seus sentimentos de tensão, insegurança, frustração, agressividade e medo.

Desta forma, o terapeuta exerce a função de facilitador, sendo capaz de identificar os conflitos e auxiliar na busca de melhores alternativas para lidar com eles, ao mesmo tempo em que, orienta os pais a como intervir diante dessas vivências.

– Quais os benefícios da psicoterapia infantil?

O acompanhamento psicológico na infância promove uma vida emocional equilibrada, já que é ensinada de forma lúdica a importância de compreender as emoções para enfrentar os conflitos de forma saudável.
         Os benefícios também são voltados à escola e aos pais.

– Quando procurar?

Isso pode ser percebido quando os pais sentirem que o filho está passando por alguma dificuldade que nem ele e nem os pais tem conseguido lidar ou entender tais questões. Outras vezes, o encaminhamento pode ser feito por outros profissionais como pediatra, fonoaudiólogo, nutricionista, neurologista, entre outros, ou pela escola.
         Alguns comportamentos com os quais os pais não se sentem seguros em lidar são tristezas, ansiedades, choro em excesso, comportamentos agressivos, pesadelos frequentes, ciúmes após a chegada de um irmãozinho, dificuldades escolares, dificuldade no relacionamento com as pessoas, separação dos pais, etc..

– Qual o papel dos pais?

Durante o acompanhamento psicológico, a participação dos pais é constante, pois é essencial que eles acompanhem e participem do tratamento do filho. Por isso, cria-se também um espaço de escuta para os pais, onde as questões individuais e familiares podem ser trabalhadas, visando o progresso terapêutico da criança e a retomada do seu desenvolvimento saudável.

– Como o atendimento psicológico auxilia a criança?

As crianças costumam ser incapazes de perceber e explicar os seus sentimentos e preocupações da mesma forma que os adultos, e através da brincadeira, a criança obtém uma maneira de se comunicar com aquilo que ainda não consegue articular corretamente. É através do jogo, do brincar, dos desenhos que a criança vai exteriorizando as suas emoções e sentimentos, permitindo ao psicólogo ajudá-la a reorganizar suas dificuldades.

Notamos então, que é através do brincar que a criança expressa suas emoções, e com o auxilio do terapeuta encontrará recursos de enfrentamento para se posicionar diante do mundo de forma saudável e sem prejuízos no seu dia a dia.
         Aos pais, não tenham medo de pedir ajuda. O papel do psicólogo é compreender e apoiar, sem realizar julgamentos e te receber com o mesmo acolhimento dado a criança. Quanto mais os pais compreenderem o funcionamento do atendimento e o quanto o psicólogo está disponível para o bem estar da dinâmica familiar, maior é a participação dos integrantes e mais conquistas o paciente vai apresentar.

Comentários

comentários

Milena Magiolo
Milena Magiolo
Psicóloga que percebe a infância como uma etapa importante na vida do ser humano e valoriza a atenção e o cuidado em suas sessões. Apaixonada pela família, amigos, dança e chocolate.

Os comentários estão encerrados.

Marcar Consulta