Terapia cognitivo-comportamental infantil
2 de junho de 2015
Seu filho não te respeita? Saiba algumas dicas sobre como dar limites
3 de junho de 2015

Como superar uma perda amorosa

 

 

 

 

casule-psicologia-juiz-de-fora-perda-amorosa

Uma forma eficiente de como superar uma perda é evitar conviver com coisas que remetam a pessoa. Esse tempo é a melhor forma de passarmos pelo processo de desapego, em forma de desintoxicação. Somente assim é possível desintoxicar dos anos vividos e guardá-los como boas lembranças.

O contato frequente com a pessoa ou coisas que remetam a ela desenvolve uma falsa impressão de que o elo não foi rompido, podendo dar abertura para crises de ciúmes e grande frustração. E quando se fala nesse processo de desintoxicação, outra forma de como superar uma perda é dando uma desconectada das redes sociais.

É comum que as pessoas, após um momento de ruptura de relacionamento, tornem-se especialistas em investigar a vida alheia, e a internet oferece mecanismos muito eficazes para isso. Enquanto uma pessoa não se desliga da vida da outra – ainda que virtualmente – fica difícil de superar a perda e, consequentemente um processo de como superar uma perda mais demorado e difícil.

Outra forma eficaz de como superar uma perda é encontrar uma ocupação. Ao manter a mente ocupada, tendemos a pensar menos nas lembranças nutridas. Na hora de buscar algo para dar a volta por cima na sensação de perda, uma boa pedida é buscar interesses seus.

Pode ser uma novidade, como por exemplo uma visita a um parque ou museu, um filme, um show. Nesses casos, uma boa forma de como superar uma perda está na leitura. Isso pois quando lemos criamos um novo mundo e por consequência vivemos menos tempo no ambiente mental da perda.

Outras dicas para superar perdas

– A autoestima é fundamental: quando estamos tristes, facilmente isso transparece em nossa aparência. Por isso, nada de deixar a peteca cair. Se você não estiver feliz com o peso é hora de investir em uma nova dieta.

– Também é indicado mudar o look, investir naquele esporte que sempre teve vontade. Aprendendo em apostar em você mesmo, não há humor que que não melhore!

– Não dê falsas esperanças, nem acredite nelas. Nem sempre uma recaída é sinal de que é possível reverter o processo de ruptura. Muitas vezes, é comum que ataques de carência façam com que as pessoas fiquem mais carentes.

– Não se iluda, enquanto os dois lados não estiverem prontos para se ver, qualquer olhar é uma bomba relógio e deve ser evitada.

– Tentar remoer o que já aconteceu só piora as coisas. Se existiu alguma coisa que magoou, supere e toque a vida em frente. Não adianta ficar tentando saber quem errou e esclarecer mais ainda o que já acabou. Escolha deixar o ressentimento e a mágoa de lado de uma vez por todas, afinal, a vida continua!

FONTE: http://doutissima.com.br/2014/09/23/dor-de-amor-nao-e-eterna-veja-como-superar-uma-perda-e-acabar-com-o-sofrimento-14656357/

Comentários

comentários

Redatora Casule
Redatora Casule

Sou focada em achar o melhor conteúdo que já foi publicado na rede e trazer informações que são relevantes e agregam valor para você.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Marcar Consulta